Brasil deve liderar expansão de investimento em TI

EmpresasNegócios

A Indústria Brasileira de Tecnologia da Informação, de acordo com as estimativas da associação do sector, deve ter a maior taxa de crescimento do mundo em 2013, graças aos investimentos para os eventos esportivos dos próximos anos e à exploração do pré-sal. Jorge Sukarie, presidente da entidade, afirmou que a previsão da Associação Brasileira das

A Indústria Brasileira de Tecnologia da Informação, de acordo com as estimativas da associação do sector, deve ter a maior taxa de crescimento do mundo em 2013, graças aos investimentos para os eventos esportivos dos próximos anos e à exploração do pré-sal.

contemporary-business-communications-1

Jorge Sukarie, presidente da entidade, afirmou que a previsão da Associação Brasileira das Empresas de Software é que o facturamento do setor avance 14,5%, ou seja, para os 69 biliões de dólares.

No ano passado, a indústria de Tecnologia da Informação (TI) do país movimentou 60,2 bilhões de dólares, o que representou um crescimento de 10,9%. Em termos absolutos, o Brasil ficou na sétima posição do ranking mundial de investimentos em TI no ano passado, abaixo dos Estados Unidos da América (638 bilhões de dólares), China (173 bilhões de dólares), Japão (172 bilhões de dólares), Reino Unido (110 bilhões de dólares), Alemanha (101 bilhões de dólares) e França (76 bilhões de dólares).

Sukarie declarou: “Embora a economia brasileira não esteja respondendo, há investimentos a acontecer. Há fatores a serem considerados, como os grandes eventos esportivos (Copa e Olimpíadas), além do pré-sal”.

A associação estima ainda que, depois do Brasil, a indústria de TI que terá maior crescimento em 2013 será a da China, com um avanço próximo aos 14%.


Autor: RA
Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor