SP contrata empresas para bloquear sinal de celular nos presídios

HOMEMobilidade

O governo do estado de São Paulo deve iniciar, neste mês, a licitação para a contratação de empresas que bloqueiem o sinal dos celulares nos presídios paulistas. Os primeiros testes com bloqueadores de sinal foram realizados há sete anos, porém, as empresas que operariam os equipamentos ainda não haviam sido contratadas. Os presídios foram escolhidos,

O governo do estado de São Paulo deve iniciar, neste mês, a licitação para a contratação de empresas que bloqueiem o sinal dos celulares nos presídios paulistas.

prisaoOs primeiros testes com bloqueadores de sinal foram realizados há sete anos, porém, as empresas que operariam os equipamentos ainda não haviam sido contratadas.

Os presídios foram escolhidos, de acordo com o grau de dificuldade para a operação dos sistemas como, por exemplo, prisões próximas de aeroportos ou torres transmissoras. Desta maneira, os testes podem verificar se o bloqueio está afetando o sinal fora da prisão.

Esta licitação acontece, devido a um crescimento de 27% no número de celulares apreendidos nas penitenciárias paulistas, nos últimos quatro anos. Apenas no ano passado foram encontrados 13.248 celulares nas unidades prisionais de São Paulo, ou seja, uma média de 36 aparelhos apreendidos por dia.


Autor: RA
Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor