Uberlândia acolhe projeto da IBM

EmpresasHOMENegócios

Um grupo composto por 15 profissionais da IBM e quatro da JP Morgan, vindos de diferentes países do mundo, como Austrália, Inglaterra, Estados Unidos, Irlanda, Alemanha, Nova Zelândia, Vietnã, Holanda, China, Japão, Emirados Árabes, Polônia e Chile, trabalha desde ontem e durante por um mês junto a organizações sociais, prefeitura e UFU (Universidade Federal de

Um grupo composto por 15 profissionais da IBM e quatro da JP Morgan, vindos de diferentes países do mundo, como Austrália, Inglaterra, Estados Unidos, Irlanda, Alemanha, Nova Zelândia, Vietnã, Holanda, China, Japão, Emirados Árabes, Polônia e Chile, trabalha desde ontem e durante por um mês junto a organizações sociais, prefeitura e UFU (Universidade Federal de Uberlândia) com o objetivo de auxiliar no desenvolvimento socioeconômico da cidade e capacitar líderes globais. O projeto, denominado Corporate Service Corps (CSC), chega a sua 14ª edição e é realizado no Brasil desde 2009.

IBM_1

Os profissionais serão divididos em equipes multifuncionais e alocados em cinco organizações de Uberlândia, onde trabalharão com dedicação exclusiva durante quatro semanas. Para fazer a seleção das instituições participantes, a IBM realizou um mapeamento dos interessados com a ajuda de parceiros, como AMCHAM (Câmara Americana do Comércio). A partir do material apresentado e com a preocupação de contemplar diferentes tipos de instituições, como governo, universidades e organizações sociais.

Uberlândia será a primeira cidade de médio porte a ser contemplada pelo programa. Além disso, é a primeira vez no Brasil que o programa é realizado em uma Secretaria Municipal. Outra novidade do CSC em Uberlândia é a parceria entre IBM e UFU, que possibilitou a criação de um programa de extensão universitária do curso de Relações Internacionais para que os alunos possam atuar como consultores júnior no programa, permitindo que obtenham a experiência de atuação em projetos sociais e adquiram maior fluência na língua inglesa, uma vez que a comunicação durante a execução do projeto é toda feita em inglês.

Em 2013, no Brasil, além de Uberlândia, a cidade de Joinville também receberá o Corporate Service Corps.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor