Lucro da Microsoft salta 17% e ações sobem no after-market

HOMENegócios

A Microsoft anunciou crescimento de 17% no lucro de seu primeiro trimestre fiscal, resultado melhor que o esperado, com fortes vendas dos softwares Office e softwares para servidores ofuscando o fraco desempenho do sistema operacional Windows. As ações da companhia avançaram 6% em negociações no after-market. A maior empresa de software do mundo, que está

A Microsoft anunciou crescimento de 17% no lucro de seu primeiro trimestre fiscal, resultado melhor que o esperado, com fortes vendas dos softwares Office e softwares para servidores ofuscando o fraco desempenho do sistema operacional Windows.

microsoft-software-1024x661

As ações da companhia avançaram 6% em negociações no after-market.

A maior empresa de software do mundo, que está mudando seu foco para aparelhos eletrônicos e serviços, anunciou lucro de 5,2 bilhões de dólares, ou 0,62 dólar por ação, contra 4,5 bilhões de dólares, ou 0,53 dólar por ação, no mesmo trimestre do ano anterior.

Tal resultado foi muito superior à projeção do mercado de 0,54 dólar, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita subiu 16 por cento, para 18,5 bilhões de dólares, amparada nas maiores vendas do Office. Analistas esperavam 17,8 bilhões de dólares, em média.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor