LTE alcançará 1 bilhão de conexões até 2017

4GHOMEMobilidade

Segundo estimativa da GSM Association, a base mundial de conexões móveis de quarta geração (4G) no padrão LTE chegará a 1 bilhão em 2017. O número representará 12% do total de assinantes móveis na projeção para os próximos quatro anos. Atualmente. existem 176 milhões de assinantes 4G LTE no mundo, em um universo de 7

Segundo estimativa da GSM Association, a base mundial de conexões móveis de quarta geração (4G) no padrão LTE chegará a 1 bilhão em 2017. O número representará 12% do total de assinantes móveis na projeção para os próximos quatro anos. Atualmente. existem 176 milhões de assinantes 4G LTE no mundo, em um universo de 7 bilhões de linhas em serviço.

4g

A GSM Association prevê o número de redes 4G dobre até 2017, chegando a 500 em operação. Hoje, 20% da população mundial habita áreas com cobertura LTE. Em quatro anos, o percentual subirá para 50%. 12 faixas de frequência do espectro eletromagnético estão sendo usadas pelas redes LTE. As mais utilizadas são 700 MHz (EUA), 800 MHz, 1.8 GHz e 2.6 GHz (faixa brasileira).

A base de quarta geração com maior utilização é a dos Estados Unidos, que responde por 46% do total de conexões LTE. 90% da população vive em áreas cobertas pelo sinal. Já a Coréia do Sul tem a maior proporção de assinantes 4G: metade de todos os usuários do país utiliza o acesso de alta velocidade.

É interessante notar o perfil de uso de dados apurado pela GSMA. O assinante 4G consome em média 1,5 GB por mês, mais que o dobro dos demais. Em países emergentes, a receita média mensal por usuário (ARPU, na sigla em inglês) 4G é de sete a vinte vezes maior que a dos entre assinantes de outras tecnologias móveis.

No Brasil, todas as grandes operadoras oferecem planos 4G, com preços competitivos em relação aos de terceira geração. A última operadora a aderir ao LTE foi a Oi.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor