Receita da HP recua

GestãoNegóciosResultados

A receita do quarto trimestre fiscal da Hewlett-Packard caiu 3 por cento, com o encolhimento das vendas de computadores pessoais e impressoras, mas a receita do negócio empresarial ajudou a ofuscar um encolhimento do negócio de computadores pessoais, sinal que levantou as ações da companhia no after-market em mais de 7 por cento. A HP

A receita do quarto trimestre fiscal da Hewlett-Packard caiu 3 por cento, com o encolhimento das vendas de computadores pessoais e impressoras, mas a receita do negócio empresarial ajudou a ofuscar um encolhimento do negócio de computadores pessoais, sinal que levantou as ações da companhia no after-market em mais de 7 por cento.

Hewlett Packard Automation

A HP reportou receita de 29,1 bilhões de dólares, acima das expectativas de analistas de 27,9 bilhões, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita caiu na maioria das divisões de negócios da HP, exceto pelo grupo corporativo, cujas vendas subiram 2 por cento, a 7,6 bilhões de dólares. As vendas da unidade voltada para computadores pessoais, a maior da HP, caiu 2 por cento, a 8,58 bilhões, enquanto a divisão de impressão recuou 1 por cento, a 6,04 bilhões de dólares.

A presidente-executiva Meg Whitman, que assumiu o comando da maior fabricante de PCs do mundo há pouco mais de um ano, disse em outubro que esperava que a receita se estabilizasse em 2014, com algumas áreas de crescimento para a companhia.

Com a ajuda de cortes de empregos e expansão em mercados e áreas com potencial de longo prazo como serviços de computação empresarial, a presidente está tentando reconfigurar o ícone do Vale do Silício e retomar seu crescimento.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor