Receitas da Google Play Store equivalem a 50% da App Store

e-Marketing

Os downloads da Google Play Store são 25% superiores aos da App Store e atingiram agora os 50% das receitas da Apple. Relativamente ao número de aplicações, a Google Play Store já estava em vantagem no início de 2013 em comparação à Apple App Store. No entanto isso não significa que a Play Store da

Os downloads da Google Play Store são 25% superiores aos da App Store e atingiram agora os 50% das receitas da Apple.

SONY DSC

Relativamente ao número de aplicações, a Google Play Store já estava em vantagem no início de 2013 em comparação à Apple App Store. No entanto isso não significa que a Play Store da Google tenha melhor qualidade ou que seja a melhor plataforma para um programador investir.

Os mercados do Brasil e da Argentina são os que mais contribuem para o aumento dos downloads na loja da Google e os jogos são os mais adquiridos.

É na Play Store da Google que são feitos mais downloads, pela posição de liderança de aparelhos Android no mercado de Smartphones e Tablets, mas as aplicações na App Store são muito mais rentáveis, por isso a Apple tem-se demonstrado imbatível nos seus lucros no mercado das aplicações.

Neste mercado, os aparelhos Android ganham cada vez mais terreno nos países em grande desenvolvimento económico, como os BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China).

A Play Store da Google tinha já atingido em julho deste ano os 20 por cento das receitas da Apple e atualmente chegam já aos 50%. No entanto, a App Store continua a ser a loja de aplicações mais rentável.

Tanto na loja da Apple como na da Google, é a categoria de jogos que mais contribui para os downloads. Esta categoria é responsável por 40% de todos os downloads de aplicações e contribui para 80% das receitas da Play Store, antes das aplicações de informação e redes sociais.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor