Banda Larga Popular paulista ganha apoio da On Telecom

e-MarketingHOME

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo e a On Telecom assinaram a adesão ao programa Banda Larga Popular com sua Internet 4G para modems fixos. O acordo foi assinado pelo CEO da operadora, Farès Nassar; o secretário da Gestão Pública, Davi Zaia; e o secretário da Fazenda, Andrea Calabi. O programa prevê

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo e a On Telecom assinaram a adesão ao programa Banda Larga Popular com sua Internet 4G para modems fixos.

banda larga2

O acordo foi assinado pelo CEO da operadora, Farès Nassar; o secretário da Gestão Pública, Davi Zaia; e o secretário da Fazenda, Andrea Calabi. O programa prevê isenção de ICMS para venda de acessos com valores mais acessíveis, voltados para famílias de baixa renda.

Será usada a rede FDD-LTE da On na faixa de 2,5 GHz, e o plano ofertado terá velocidade de 1 Mbps, com limite de 10 GB em downloads. O valor cobrado será de R$ 29,80 por mês. Segundo as regras do programa, é permitida a instalação de apenas um contrato por CPF e por endereço.

Instituído pelo decreto nº 54.921, o programa estadual contribui para a inclusão digital ao viabilizar, principalmente às pessoas de menor poder aquisitivo, a oferta de serviços de internet de alta velocidade a custo reduzido.

Para o poder público, a ampliação do acesso à internet banda larga aumenta a integração dos cidadãos aos serviços online oferecidos pelo governo de São Paulo, como o sistema da Nota Fiscal Paulista e o Emprega São Paulo, entre outras iniciativas. Net e Telefònica são algumas das empresas de grande porte que já oferecem a modalidade de acesso isenta de ICMS.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor