Finep renova acordo de tecnologia com a Espanha

Negócios

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep/MCTI) e o Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI), órgão do governo espanhol, renovaram o acordo de cooperação tecnológica. Brasil e Espanha irão promover a inovação nas empresas, centros tecnológicos e universidades de ambos os países, assim como o intercâmbio de conhecimentos e boas práticas entre as instituições. Está

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep/MCTI) e o Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI), órgão do governo espanhol, renovaram o acordo de cooperação tecnológica. Brasil e Espanha irão promover a inovação nas empresas, centros tecnológicos e universidades de ambos os países, assim como o intercâmbio de conhecimentos e boas práticas entre as instituições.

aperto mão

Está prevista a realização de uma reunião no primeiro trimestre de 2014, com objetivo de definir um plano de trabalho para os próximos 12 meses.

A Finep e o CDTI se comprometem a financiar organizações nacionais que desenvolvam projetos de interesse comum. Serão priorizadas ações em áreas consideradas estratégicas, como energias renováveis e biocombustíveis; tecnologias da informação e comunicação; tecnologias agroalimentares e da saúde e tecnologias industriais.

As propostas deverão contemplar critérios de grau de inovação de cada um dos países, capacidade financeira dos sócios para desenvolver o projeto, grau de compromisso dos participantes e o impacto que o desenvolvimento poderá ocasionar na economia de cada país.

Histórico

A parceria entre a Finep e o CDTI começou em 1996 com o primeiro Memorando de Entendimentos. Em 2006, foi assinado Acordo de Cooperação Tecnológica, no qual as instituições se comprometiam a colaborar para promover a cooperação tecnológica entre empresas de ambos os países, especialmente pequenas e médias.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor