Nokia gasta milhões de reais para descongelar bens na Índia

EmpresasHOMENegócios

A Nokia ofereceu cerca de 861 milhões de reais às autoridades indianas para poder descongelar os seus bens. Esta oferta surge na vontade da empresa finlandesa em liberar os seus bens, antes da venda de seus negócios de telefonia móvel para a Microsoft. O congelamento dos seus bens poderia impedir a transferência de propriedade na unidade

A Nokia ofereceu cerca de 861 milhões de reais às autoridades indianas para poder descongelar os seus bens. Esta oferta surge na vontade da empresa finlandesa em liberar os seus bens, antes da venda de seus negócios de telefonia móvel para a Microsoft.

nokia-lumia-925

O congelamento dos seus bens poderia impedir a transferência de propriedade na unidade de Chennai e, assim, complicar o acordo com a Microsoft. Este negócio está avaliado em cerca de 12,5 bilhões de reais (5,4 bilhões de dólares) e deverá concretizar-se no primeiro trimestre de 2014.

Se este congelamento se manter até a finalização do negócio, a Nokia poderá operar a unidade como uma fabricante contratada pela Microsoft. Esta é uma situação que ambas as empresas preferem evitar.

A Nokia disse apenas que estava comprometida a descongelar seus bens na Índia e “mais uma vez cobrar do governo indiano e às autoridades fiscais urgência para a solução da questão”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor