Yelp depois do Brasil chega ao mercado português [com vídeo]

e-MarketingNegócios

O Yelp chegou hoje a Portugal. A partir de agora, os portugueses podem criar as suas contas e partilhar opiniões acerca de grandes negócios locais. Portugal é o primeiro mercado a ser aberto depois do Yelp ter chegado ao Brasil. Em agosto de 2013, o Yelp também entrou no Brasil, sendo que a língua portuguesa

O Yelp chegou hoje a Portugal. A partir de agora, os portugueses podem criar as suas contas e partilhar opiniões acerca de grandes negócios locais. Portugal é o primeiro mercado a ser aberto depois do Yelp ter chegado ao Brasil.

Yelp1

Em agosto de 2013, o Yelp também entrou no Brasil, sendo que a língua portuguesa se tornou o 14º idioma onde os comentários podem ser lidos, escritos e partilhados. Miriam Warren, vice presidente de Novos Mercados do Yelp, afirmou, em entrevista à B!T Magazine em Lisboa, Portugal, que “o Brasil é um país gigante com um grande grau de importância na balança mundial e estamos focados em criar comunidades em São Paulo e Rio de Janeiro”. Os Community Managers, afirma, estão trabalhando para que o Yelp seja espalhado pelo país para que os usuários brasileiros comecem a usar o Yelp.

Portugal é o 24º país a desenvolver uma comunidade no Yelp. Lisboa será o foco dos esforços iniciais de construção da comunidade Yelp e irá contratar um Gerente de Comunidade local para ajudar na criação da primeira comunidade portuguesa da plataforma.

A versão completa do site irá estar disponível em todo o território português. Para já, desde o sul do país até à região norte, os usuários podem partilhar ideias acerca do que é bom e excelente nos negócios locais, através da Internet ou smartphone.

Até ao terceiro trimestre de 2013 existiram mais de 47 milhões de reviews, uma média mensal de 117 milhões de visitantes e a aplicação móvel Yelp já foi utilizada em mais de 11,2 milhões de celulares. A cada segundo, um consumidor liga ou dá informações para um negócio local através da aplicação móvel.

Miriam Warren explica a razão do Yelp querer chegar a Portugal. “A principal razão é porque achamos que Portugal é muito Yelpi; muita e boa comida, cultura, vinho… As pessoas são muito abertas ao mundo e à boa vida”. “Geograficamente falando, faz sentido para nós estar em Portugal, estamos em muitos países vizinhos e não podíamos estar na Europa sem estar em Portugal”, acrescenta. O principal objetivo a curto prazo, afirma, é fazer com que o Yelp seja “útil às pessoas”.

O Yelp deve ser usado, segundo a vice presidente, para as pessoas descobrirem “lugares onde vivem que não conheciam”. “Acho que, em primeiro lugar, as pessoas devem usar para navegar na sua cidade. Depois, devem usar sempre que viajam para se sentirem locais para onde quer que vão”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor