CEO da Ericsson pode substituir Ballmer na Microsoft

HOMENegócios

O conselho administrativo da Microsoft estaria considerando Hans Vestberg, presidente-executivo da Ericsson, como um possível sucessor de Steve Ballmer. A informação foi publicada pela Bloomberg, citando fontes próximas à gigante de software. Tanto a Microsoft e a Ericsson não quiseram comentar a suposição. O sueco, de 48 anos, atende aos requisitos por ser um entusiasta

O conselho administrativo da Microsoft estaria considerando Hans Vestberg, presidente-executivo da Ericsson, como um possível sucessor de Steve Ballmer.

vestberg ericsson

A informação foi publicada pela Bloomberg, citando fontes próximas à gigante de software. Tanto a Microsoft e a Ericsson não quiseram comentar a suposição.

O sueco, de 48 anos, atende aos requisitos por ser um entusiasta da tecnologia e familiarizado com a mídia. Vestberg é conhecido pela agressividade nos negócios e a capacidade de reconhecer oportunidades, características cruciais para o tipo de líder que a Microsoft precisa para continuar no topo.

Mesmo dinâmico, o executivo – que assumiu o cargo na Ericsson em 2010, após ter acompanhado as operações da empresa no Brasil, China, México e EUA – tem lutado para convencer os investidores que as concorrentes, como a Huawei, não vão tomar a liderança do mercado de telecom da companhia.

Com a iminente saída de Ballmer, o mercado espera ansioso pela nomeação do novo CEO da companhia. Com uma trajetória bem-sucedida na última década – em que triplicou seus lucros e cresceu muito além do Windows – , a Microsoft tem US$ 77 bilhões em caixa (em investimentos de curto prazo e dinheiro) para fazer aquisições de peso, como foi a compra da divisão de dispositivos da Nokia.

Analistas apostam que Vestberg tenha maiores grandes chances de ser o escolhido, pois a experiência em produtos de telecomunicações ajudaria a Microsoft a enfrentar as líderes do mercado de smartphones e tablets, a Apple e a Samsung. A opinião é dividida, pois outros acreditam que a gigante preferiria um norte-americano na posição.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor