Alcatel reduz prejuízo graças à sua estratégia de recuperação

EmpresasGovernançaNegóciosRegulação

A Alcatel-Lucent viu seu prejuízo líquido cair em 2013, graças ao corte de custos e à venda de ativos que o presidente-executivo Michel Combes pôs em prática. A fabricante de equipamentos de telecomunicações disse que a margem bruta ficou em 34 por cento e o lucro operacional em 307 milhões de euros (996 milhões de reais),

A Alcatel-Lucent viu seu prejuízo líquido cair em 2013, graças ao corte de custos e à venda de ativos que o presidente-executivo Michel Combes pôs em prática.

Torn newspaper headlines depicting business strategy

A fabricante de equipamentos de telecomunicações disse que a margem bruta ficou em 34 por cento e o lucro operacional em 307 milhões de euros (996 milhões de reais), ambos melhores que o esperado.

Este foi o primeiro lucro trimestral do grupo desde março de 2012, sendo que as margens operacionais do quarto trimestre subiram para 7,8 por cento (no último trimestre de 2012 tinham sido de 2,8 por cento).

Michel Combes disse esta semana que “O plano (de reestruturação) já está transformando profundamente a empresa e dando conforto à nossa visão de que fizemos as escolhas estratégicas certas”.

A receita do quarto trimestre ficou em 3,93 bilhões de euros (12,75 bilhões de reais) e ficou abaixo das expectativas de analistas, em 5,5 por cento.

A Alcatel-Lucent tem como concorrentes do seu mercado a sueca Ericsson, a chinesa Huawei e a unidade NSN da Nokia.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor