Estimada queda trimestral para a Groupon

EmpresasNegócios

A Groupon prevê uma surpreendente perda trimestral, numa altura em que despende mais para anunciar o seu mercado online, que se espera compensar o atraso em seus negócios diários. Ainda, suas ações caíram mais de 13 por cento em extended trading. A bolsa cresceu mais de 18 por cento em extended trading após a companhia ter comunicado resultados

A Groupon prevê uma surpreendente perda trimestral, numa altura em que despende mais para anunciar o seu mercado online, que se espera compensar o atraso em seus negócios diários. Ainda, suas ações caíram mais de 13 por cento em extended trading.

Groupon

A bolsa cresceu mais de 18 por cento em extended trading após a companhia ter comunicado resultados para o quarto trimestre melhores do que os esperados, apoiados pela forte procura durante a época das festas.

A Groupon, que compete com a Amazon.com, com a eBay e com o Google, construiu um mercado online, chamado Pull, em que os usuários podem procurar e comprar negócios na sua área, constituindo-se como uma grande mudança no negócio original da empresa, que envia diariamente e-mails aos seus subscritores oferecendo um ou dois negócios que têm de ser comprados no próprio dia mas que podem ser reclamados mais tarde.

“A maioria dos nosso clientes na América do Norte continua sem saber que podem vir à Groupon e escolher de entre 80 mil negócios em tempo real”, disse o CEO Eric Lefkofsky.

De acordo com o diretor financeiro, Jason Child, a Goupon vai gastar, no primeiro trimestre, 25 milhões de dólares na comercialização do Pull. Por outro lado, os custos de comercialização caíram sete por cento, para 56,5 milhões de dólares no quarto trimestre.

A empresa vai ainda gastar 20 milhões de dólares na integração das suas mais recentes aquisições (Ticket Monster e Ideeli).


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor