Firefox OS promete aparelhos que custam 25 dólares

MobilidadeNegóciosOpen-SourceSoftware

MWC 2014. A Fundação Mozilla, que segue empenhada em fazer barulho no mercado móvel, anunciou a chegada dos smartphones Firefox OS a doze novos países europeus e latino-americanos. Tratando-se de uma feira de tecnologia móvel, a Fundação Mozilla não podia faltar ao Mobile World Congress, agora que conta com o seu próprio sistema operacional móvel.

Especial BRMWC 2014. A Fundação Mozilla, que segue empenhada em fazer barulho no mercado móvel, anunciou a chegada dos smartphones Firefox OS a doze novos países europeus e latino-americanos.

Firefox OSTratando-se de uma feira de tecnologia móvel, a Fundação Mozilla não podia faltar ao Mobile World Congress, agora que conta com o seu próprio sistema operacional móvel. Um sistema que tem bem claros os seus objetivos de aumentar sua presença e relevância.

Para isso, a Fundação propôs levar os seus telefones Firefox OS a doze novos mercados.

Na Europa, trabalha para expandir-se na Alemanha pela mão da Telefónica e na República Checa, Croácia, Macedónia e Montenegro pelas mãos da Deutsche Telekom. O sistema seguirá o crescimento na América Latina na Argentina, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Nicarágua e Panamá, também através do seu acordo particular com a espanhola Telefónica.

Com o acordo firmado, a tele espanhola comercializará em 2014 aparelhos com Firefox OS fabricados por Alcatel, Huawei e a ZTE em lugares decisivos, entre eles a Espanha.

“Na América Latina e no Leste Europeu, os usuários têm trocado os seus telefones funcionais pelos smartphones Firefox OS pelo que agora têm um acesso mais rico à Web e às aplicações”, disse o respetivo diretor de operações da organização, Jay Sullivan. “As vendas têm superado as nossas metas. 2013 foi só o começo”.

“Em 2014”, continuou, “estamos a diferenciar a nossa experiência do usuário e nossos parceiros estão fazendo aumentar a oferta de dispositivos”.

E o que mais chamou atenção no anúncio da Mozilla no MWC foi a revelação do futuro lançamento de aparelhos de baixíssimo custo, cerca de US$ 25. O único detalhe que se sabe até o momento é que os aparelhos terão integrado o SoC SC6821 da chinesa SpreadTrum.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor