Nextel substituirá iDEN por 4G

4GHOMEMobilidadeNegócios

A Nextel está em vias de mudar sua posição de competitividade perante às grandes operadoras do Brasil. A tecnologia móvel iDEN, de chamadas via rádio push-to-talk (PTT), será gradativamente substituída por sua rede 4G. O objetivo é eliminar a obsoleta banda de rádio e usar a banda larga móvel de alta velocidade para oferecer seus

A Nextel está em vias de mudar sua posição de competitividade perante às grandes operadoras do Brasil. A tecnologia móvel iDEN, de chamadas via rádio push-to-talk (PTT), será gradativamente substituída por sua rede 4G.

nextel

O objetivo é eliminar a obsoleta banda de rádio e usar a banda larga móvel de alta velocidade para oferecer seus serviços de voz e dados.

A mudança vem na esteira do recente acordo com a Telefônica/Vivo para compartilhamento da rede 3G da operadora no Brasil e da Movistar no México.

Com isso, a Nextel pulou de 300 localidades 3G para mais de 3,1 mil municípios que contam com cobertura da Vivo.

Sua base 3G conta apenas 318 mil clientes no país, e a velocidade de conexão, até o momento, é muito menor que a das empresas concorrentes.

Na comparação, a Telefônica, que ocupa o primeiro lugar de market share segundo a Anatel, tem mais de 77 milhões de clientes de celular – o que representa uma fatia de 28,49% no mercado.

Rio de Janeiro terá primeiro a cobertura 4G da operadora, que funcionará na faixa de frequência de 1,8 GHz. O plano é que a rede esteja no ar antes da Copa.

O esforço é parte dos US$ 900 milhões que a empresa tem investido no Brasil nos últimos dois anos. Outro plano para a expansão do 4G é fazer com a Vivo um acordo semelhante ao do 3G, para oferecer o serviço em mais cidades.

A Nextel pretende desativar rede iDEN, mas não vai retirar os serviços de voz PTT. Um aplicativo rodando voIP via 4G emulará o sistema, inclusive com o característico som de intercomunicação que fez a operadora famosa.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor