Japão começa a experimentar embrião 5G

HOMEMobilidade

A NTT DoCoMo, gigante de telefonia móvel no Japão,  planeja a realização de ensaios experimentais de novas tecnologias de banda umtra larga sem fios, capaz de alcançar até 10 Gbps e conectar milhões de novos dispositivos à rede móvel. Espera-se que essa tecnologia venha a ser a fundação do novo padrão 5G. A DoCoMo está

A NTT DoCoMo, gigante de telefonia móvel no Japão,  planeja a realização de ensaios experimentais de novas tecnologias de banda umtra larga sem fios, capaz de alcançar até 10 Gbps e conectar milhões de novos dispositivos à rede móvel. Espera-se que essa tecnologia venha a ser a fundação do novo padrão 5G.

velocidade

A DoCoMo está trabalhando com os maiores fornecedores de rede do planeta, Ericsson, Nokia, Alcatel-Lucent, Samsung, NEC e Fujitsu, para realizar os ensaios em seus laboratórios de Yokosuka, para em seguida fazer os testes de campo.

A japonesa está explorando uma parte da banda eletromagnética que até então era considerada inútil para uso móvel: as vastas extensões de espectro sem fio acima de 6 GHz. Ao reunir um grande número de frequências e usando grandes conjuntos de antenas, é teoricamente possível utilizar de forma segura essa parte do espectro.

A dúvida, que será sanada depois dos experimentos, é se a banda pode ser utilizada em dispositivos verdadeiramente móveis ou apenas em dispositivos estacionários, como modems e roteadores de última geração.

A NTT DoCoMo faz questão de enfatizar que essa não é a 5G propriamente dita, mas um estudo preliminar que pode levar à ratificação do padrão. A empresa pretende apresentar as suas conclusões com os pesquisadores da indústria móvel a partir de 2016.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor