MicroStrategy Mobile implementado em projeto Hórus

Business IntelligenceData StorageMobilidadeProjetosSetor PúblicoSoftware

Com o MicroStrategy Mobile mais de 1.500 gestores públicos podem analisar via dispositivos móveis os dados relacionados à gestão de estoque, rastreabilidade e distribuição de medicamentos, e tomar decisões que promovem redução de custos e racionalidade no uso, entre outras melhorias, com ainda mais agilidade.  O sistema Hórus visa qualificar a gestão da Assistência Farmacêutica no Sistema

Com o MicroStrategy Mobile mais de 1.500 gestores públicos podem analisar via dispositivos móveis os dados relacionados à gestão de estoque, rastreabilidade e distribuição de medicamentos, e tomar decisões que promovem redução de custos e racionalidade no uso, entre outras melhorias, com ainda mais agilidade. 

Pills

O sistema Hórus visa qualificar a gestão da Assistência Farmacêutica no Sistema Único de Saúde (SUS) e permite, entre outras funcionalidades, o controle de estoque, a rastreabilidade dos medicamentos distribuídos e dispensados, o agendamento das distribuições, o conhecimento do perfil de consumo, o acompanhamento do uso dos medicamentos e ainda a geração de dados para o desenvolvimento de indicadores de assistência farmacêutica para auxiliar no planejamento, avaliação e monitoramento das ações nessa área.

Graças ao BI, hoje cerca de 1.500 usuários, entre gestores e demais profissionais envolvidos com a assistência farmacêutica, nos três níveis de gestão do SUS (municipal, estadual e federal), possuem autonomia para fazer análises e gerar os seus próprios relatórios. Com esta conquista, as demandas se sofisticaram, surgindo então a necessidade de levar estas informações estratégicas e relatórios até as mãos dos usuários, possibilitando o acesso via dispositivos móveis, de qualquer lugar. Esse recurso tem facilitado o trabalho diário dos gestores e também colaborado para agilizar o processo de tomada de decisão. As definições podem agora ocorrer em reuniões emergenciais remotas, por exemplo.

“Trata-se de uma ferramenta primordial e inovadora, uma vez que permite aos gestores acompanhar a aplicação dos recursos em toda a sua rede de saúde, monitorar a utilização de medicamentos pela população atendida e comparar estes dados. E tudo que antes era exclusivo para as plataformas web, agora também está disponível na plataforma mobile. A solução de BI móvel está sendo empregada cada vez mais e é sucesso entre os usuários. Temos a percepção de que em pouco tempo o MicroStrategy Mobile provavelmente será o carro-chefe do Datasus”, afirma Wilson Coelho, da Coordenação-Geral de Disseminação de Informações do DATASUS, o órgão criado com a missão de prover informações e soluções em TI para o SUS.

Além do envolvimento na mobilização dos usuários, o DATASUS está desenvolvendo um novo módulo de análise de comportamento de consumo de medicamentos visando a obtenção de algoritmos preditivos, a ser incorporado nos perfis dos gestores másters do HÓRUS nos três níveis de gestão do SUS. Assim, com o cruzamento dessas informações, é possível chegar-se à conclusão, por exemplo, de que com a proximidade do inverno, uma unidade deve aumentar o seu estoque de determinado medicamento, pois nessa época do ano aumenta o número de pessoas doentes e o fornecimento deste item pode ficar comprometido. O novo aplicativo de análises preditivas também está sendo implementado na plataforma MicroStrategy Mobile, em um projeto piloto.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor