Preste atenção antes de usar a máquina de cartão

HOMESegurança

As famosas “maquininhas” de cartão, os terminais móveis que aceitam cartões de débito e crédito, são seguras e práticas. Mas criminosos se aproveitam da confiança do consumidor e aplicam golpes usando aparelhos adulterados. Como diz o ditado, “a oportunidade faz o ladrão”. E o criminoso que aplica golpes desse tipo é extremamente oportunista. Funciona assim:

As famosas “maquininhas” de cartão, os terminais móveis que aceitam cartões de débito e crédito, são seguras e práticas. Mas criminosos se aproveitam da confiança do consumidor e aplicam golpes usando aparelhos adulterados.

Máquina-de-cartão

Como diz o ditado, “a oportunidade faz o ladrão”. E o criminoso que aplica golpes desse tipo é extremamente oportunista.

Funciona assim: o criminoso é um funcionário da empresa e, em um momento de distração do gerente ou do dono, coloca uma máquina falsa no lugar da verdadeira. Isso acontece normalmente em uma hora que há muitos clientes, com pressa para ir embora.

O cliente, quase que automaticamente, insere o cartão e coloca sua senha na máquina sem nem olhar a tela.

A máquina adulterada não conta com os protocolos de segurança da genuína, e em vez de comunicar-se com os servidores dos bancos, grava as informações do cartão e a senha.

Daí, o criminoso devolve seu cartão e some com a máquina falsa, para não levantar suspeitas. Finalmente, ele coloca o dinheiro no caixa e ninguém na loja desconfia do que aconteceu.

O principal cuidado para não cair nesse golpe é ficar atento. Verifique o valor na tela e preste atenção se a os números da senha aparecem na tela, em vez dos habituais asteriscos.

Prefira abastecer o carro em redes de postos de gasolina que usam máquinas próprias, adesivadas com a bandeira do posto.

Se o estabelecimento contar com uma máquina de cartão que funciona em conjunto com o computador que registra os pagamentos, prefira sempre pagar nessa máquina. Como está integrada ao sistema de pagamentos do estabelecimento, é infinitamente mais difícil para o larápio alterar a máquina de cartão sem ser notado.

E finalmente, verifique seu saldo diariamente. É possível fazer isso sem tarifas pela internet ou pelos aplicativos dos bancos. Assim, mesmo que você seja fraudado, conseguirá minimizar o estrago.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor