Projeto da SAP quer levar tecnologia à administração das cidades

AppsFornecedores de SoftwareHOMEMobilidadeProjetosSetor PúblicoSoftware

A iniciativa SAP Urban Matters, da multinacional alemã, está usando soluções tecnológicas e práticas de gestão para ajudar as cidades a melhor atender aos cidadãos, além de tomar decisões mais rápidas e administrar de forma mais eficiente fornecedores e orçamentos. Com 13 milhões de pessoas, a grande Buenos Aires é a segunda maior área urbana

A iniciativa SAP Urban Matters, da multinacional alemã, está usando soluções tecnológicas e práticas de gestão para ajudar as cidades a melhor atender aos cidadãos, além de tomar decisões mais rápidas e administrar de forma mais eficiente fornecedores e orçamentos.

BUENOS-AIRES1

Com 13 milhões de pessoas, a grande Buenos Aires é a segunda maior área urbana da América do Sul. Administrada como uma cidade autônoma, a área metropolitana abrange mais de 5.000 quilômetros quadrados. O Poder Executivo da cidade, chamdo Gobierno de la Ciudad Autónoma de Buenos Aires (GCBA), tem a responsabilidade de fazer a manutenção de aproximadamente 700.000 elementos: 450.000 árvores, 125.000 pontos de iluminação, 54.000 calçadas, 30.000 sarjetas e 27.000 ruas. Em muitos casos, o GCBA depende de terceiros para resolver os problemas, frequentemente reportados pelos cidadãos, tais como calçadas irregulares, buracos ou cortes de áreas verdes.

Antes de implementar várias soluções da SAP, incluindo a SAP Mobile Platform, em 2012, os funcionários do GCBA não tinham como gerir perfeitamente esse trabalho e comunicar as especificações para as empresas contratadas. Eles trabalhavam com registros em papel e diferentes aplicações de software, e não eram capazes de distribuir as solicitações de serviço para os departamentos apropriados de forma ágil. Esse sistema de gestão desuniforme e sujeito a atrasos, por muitas vezes resultou em um planejamento de qualidade inferior e falhas nos serviços.

Hoje, o Ministério de Espaços Públicos e Ambiente do GCBA é capaz de integrar melhor as informações e dar respostas mais rápidas para as demandas dos cidadãos por meio de um gerenciamento centralizado de incidentes, registro de licenças e gestão de compras. O relacionamento com fornecedores foi aprimorado, pois os funcionários do Ministério podem, agora, avaliar melhor o desempenho dos serviços de terceiros e comunicar eficazmente a avaliação. Por conta do melhor acesso aos dados e registro do progresso dos projetos, o Ministério pode acompanhar o histórico de manutenção em elementos e equipamentos específicos, o que ajuda no planejamento do orçamento.

“A crescente influência econômica da região e os grandes eventos de repercussão mundial, como a Copa do Mundo, realizada recentemente no Brasil, e a próxima Olimpíada no Rio de Janeiro, demonstram a importância da região em um âmbito global. Assim, as cidades da América Latina têm a necessidade de adotar melhores práticas urbanas para fomentar o seu desenvolvimento”, explica Sean O’Brien, vice-presidente global para a iniciativa Urban Matters e assuntos de segurança pública da SAP, destacando que a empresa desenvolveu projetos para clientes do setor público em todo o mundo com um histórico de sucesso na abordagem desses desafios.

O estado mexicano de Colima é outro exemplo. O governo estadual adotou tecnologias da SAP para ajudar a cumprir a Lei geral de Responsabilidade dos Governos (LGCG) do México. Colima está usando o sistema de gestão da SAP para integrar todos os processos financeiros, incluindo a cobrança de impostos, salários e obras públicas.

O estado de Colima está entre os mais avançados no México do ponto de vista sócio- econômico, sendo o sexto – dentre os 32 estados mexicanos – melhor avaliado pelo Índice de desenvolvimento Humano, da ONU, e classificado como altamente desenvolvido.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor