Venda de smartphones sobe 22% no Brasil

MobilidadeSmartphones

Levantamento divulgado pelo IDC apurou que foram comercializados no país 17,9 milhões celulares entre os meses de abril e junho. Segundo o relatório Mobile Phone Tracker Q2, divulgado pela consultoria, foram 13,3 milhões de smartphones (75%) e 4,6 milhões de feature phones (25%) vendidos no período. Comparado com o mesmo período do ano passado, houve

Levantamento divulgado pelo IDC apurou que foram comercializados no país 17,9 milhões celulares entre os meses de abril e junho.

Tablets-e-Smartphones

Segundo o relatório Mobile Phone Tracker Q2, divulgado pela consultoria, foram 13,3 milhões de smartphones (75%) e 4,6 milhões de feature phones (25%) vendidos no período.

Comparado com o mesmo período do ano passado, houve incremento de 22% nas vendas de smartphones e queda de 16% nas vendas de feature phones. O gasto médio com os aparelhos foi de R$ 700, e mais de 90% dos aparelhos vendidos rodam Android.

O volume de vendas representa um recorde de vendas no mundo inteiro. É a primeira vez que o Brasil chega ao patamar de 13 milhões de aparelhos inteligentes vendidos.

“A expectativa é o bom momento persistir e um novo recorde ser batido nos próximos dois trimestres de 2014″, declarou em nota Leonardo Munin, analista de mercado da IDC Brasil”.

A consultoria projeta que os feature phones, os aparelhos mais simples, representem apenas 5% do volume total do mercado até 2018.

A IDC prevê que até final do ano, 75% das vendas sejam de smartphones e os 25% restantes de feature phones. O barateamento dos smartphones é o principal fator que tem estimulado a migração.

Em 2013, o mercado estava muito mais equilibrado, com 53% das vendas sendo de smartphones e 47% por feature phones.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor