Cisco promove formação em Internet das Coisas

e-MarketingGestão de RedesNegóciosRedesRedes Sociais

A Cisco Networking Academy apresentou seu primeiro curso global Internet of Everything (IoE), concebido para suprir a demanda crescente de profissionais com habilitações em TIC e contribuir para a formação da próxima geração de especialistas e inovadores nesta nova fase da Internet. Estima-se que em 2020 haverá 50 bilhões de dispositivos conectados à Internet o que,

A Cisco Networking Academy apresentou seu primeiro curso global Internet of Everything (IoE), concebido para suprir a demanda crescente de profissionais com habilitações em TIC e contribuir para a formação da próxima geração de especialistas e inovadores nesta nova fase da Internet.

cisco_Internet of Everything

Estima-se que em 2020 haverá 50 bilhões de dispositivos conectados à Internet o que, por sua vez, criará uma enorme quantidade de dados gerando novas oportunidades de negócio e revolucionando o panorama laboral.

Segundo os cálculos da Cisco, com a IoE está ‘em jogo’ um valor econômico de US 19 trilhões para empresas e administrações públicas em todo o mundo que aproveitem seu potencial até 2023. O novo curso IoE da Cisco Networking Academy pretende precisamente cobrir o crescente défice de profissionais com habilitações TIC necessárias para acelerar a inovação global no campo da IoE.

Apresentado no âmbito do evento Cisco Networking Academy Partner Summit, decorrendo em Barcelona, o curso “Introdução à Internet of Everything” é o primeiro de uma série de diferentes cursos sobre a IoE.

Este curso de introdução – que não requer conhecimentos avançados de TI – está pensado para qualquer pessoa que queira aproveitar as oportunidades geradas pela interconexão de pessoas, processos, dados e objetos, estando disponível à escala global de forma gratuita e em formato de autoaprendizagem para todos os alunos do programa Cisco Networking Academy. As academias pertencentes ao programa também podem criar aulas lideradas por instrutores para facilitar o ensino.

Embora atualmente seja ministrado em inglês, estará disponível em mais cinco idiomas (chinês, francês, português, russo e espanhol) e será progressivamente ampliado a partir da Primavera de 2015.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor