Competição de programadores revela uma ferramenta inesperada contra a fraude financeira

Big DataData StorageHOMESegurançaSoftware

No último dia 12, onze equipes de sete países se reuniram no Emirates Stadium, em Londres, para participar da rodada final do campeonato da segunda Codeathon anual da SunGard, a Global Coder Cup. Aos finalistas foram dadas 48 horas e uma missão: aproveitar a tecnologia de big data para criar novas soluções de compliance para

No último dia 12, onze equipes de sete países se reuniram no Emirates Stadium, em Londres, para participar da rodada final do campeonato da segunda Codeathon anual da SunGard, a Global Coder Cup. Aos finalistas foram dadas 48 horas e uma missão: aproveitar a tecnologia de big data para criar novas soluções de compliance para empresas de serviços financeiros.

segurança

O primeiro lugar foi concedido à equipe de Birmingham, Alabama, que criou um aplicativo de compliance e regulação financeira avançada, usando inteligência artificial para prever e, potencialmente, evitar fraudes. Este foi impulsionado pelo uso criativo de múltiplas tecnologias de inteligência artificial, incluindo a aprendizagem dinâmica. “Em essência, Inteligência Artificial no espaço compliance pode ajudar a prevenir incidentes, como insider trading, mas poderia ser expandido de forma mais ampla”, disse Anoop Nair, diretor de desenvolvimento da SunGard e um membro da equipe vencedora, Foo Tomatons.

“Em um esforço para apoiar os nossos clientes em um ambiente de compliance cada vez mais sofisticado, demos aos nossos progamadores o desafio de usar a alta tecnologia de dados para atacar problemas reais enfrentados pelos responsáveis ​​pela compliance das principais em instituições financeiras”, disse em comunicado Steven Silberstein, diretor de tecnologia da SunGard. “Os codeathons ilustram nosso compromisso de investir na pesquisa e desenvolvimento do núcleo de tecnologia, trazendo o talento de toda a organização em conjunto para explorar novas soluções criativas, que têm potencial para beneficiar clientes de serviços financeiros. Isso também reforça a abordagem da SunGard para colaboração conjunta e esforços em desenvolvimento e inovação.”

A equipe da Cidade do Cabo, África do Sul, ganhou o segundo lugar, criando um rastreador de compliance, uma ferramenta para apoiar os responsáveis ​​pela área, identificando facilmente transações fora da conformidade através de visualização avançada. O terceiro lugar foi concedido à equipe Kari Ra, de Christchurch, na Nova Zelândia, que criou um aplicativo para investigar várias pessoas e organizações, avaliando a adequação para o negócio.

A final do campeonato, patrocinado pela Intel, incluiu um painel de jurados composto por diretores de tecnologia da SunGard, formadores de opinião e especialistas da própria Intel e da Blackstone.

Dos 115 times que participaram da primeira rodada da Global Coder Cup em junho, as melhores equipes de cada região – América do Norte, Europa, Ásia Pacífico, Índia e África – foram selecionados para competir na rodada do campeonato em um local inspirador, casa do Arsenal Football Club.

No ano passado, a equipe vencedora dos 425 participantes criaram uma solução de risco para ações corporativas, utilizando novas ferramentas de visualização que proporcionam ao usuário uma visão mais intuitiva e holística do risco.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor