Microsoft apresenta novas soluções cloud

CloudNegócios

Alargamento da plataforma Azure a várias regiões por todo o mundo, nova versão do Microsoft Azure Marketplace, novas máquinas virtuais e o Cloud Platform System, desenvolvido em parceria com a Dell, foram algumas das novidades apresentadas ontem, em São Francisco, Califórnia, por Satya Nadella, CEO, e Scott Guthrie, vice-presidente da área Cloud na Microsoft Corporation. A Microsoft

Alargamento da plataforma Azure a várias regiões por todo o mundo, nova versão do Microsoft Azure Marketplace, novas máquinas virtuais e o Cloud Platform System, desenvolvido em parceria com a Dell, foram algumas das novidades apresentadas ontem, em São Francisco, Califórnia, por Satya Nadella, CEO, e Scott Guthrie, vice-presidente da área Cloud na Microsoft Corporation.

microsoft cloud

A Microsoft reforçou seu compromisso de investir numa infraestrutura Cloud à escala global que permita responder de forma eficaz à procura do mercado, anunciando a disponibilidade geral do Microsoft Azure, plataforma na nuvem aberta e flexível, a toda a região da Austrália até final de outubro do presente ano. No início de 2015, a plataforma estará ainda operacional em 19 regiões em todo o mundo, mais do que qualquer outro fornecedor de cloud pública, possibilitando assim à companhia posicionar-se como a principal referência mundial.

Uma das novidades apresentadas foi a nova versão do Microsoft Azure Marketplace, plataforma que disponibiliza um ecossistema empresarial desenhado para que empresas e parceiros possam melhor promover suas aplicações e serviços junto dos clientes Microsoft Azure. Os clientes, por sua vez, podem mais facilmente encontrar, identificar, avaliar e adquirir uma vasta gama de aplicações, serviços e soluções de infrastructure-as-a-service (IaaS) e de platform-as-a-service (PaaS), compatíveis com serviços Azure na Cloud. A nova versão do Marketplace disponibiliza já hoje mais de 1.000 serviços e aplicações de mais de 100 parceiros.

Para diferenciar ainda mais sua oferta de infraestrutura para o segmento empresarial, a Microsoft anunciou uma nova série de máquinas virtuais (G-Series Virtual Machines), anunciadas como as maiores máquinas virtuais disponíveis até hoje na nuvem pública. A série G de máquinas virtuais integra os mais recentes processadores Intel Xeon e suporta mais de 32 CPU cores, 448 GB de memória RAM e mais de 6.5 TB de armazenamento local SSD.

A par disto, a Microsoft anunciou ainda o Azure Premium Storage, um novo tipo de armazenamento baseado em SSD projetado para suportar as aplicações mais exigentes, tais como SQL Server Dynamics AX, Dynamics CRM, Exchange Server, MySQL e SAP Business Suite. Um único servidor pode ser suportado com mais de 50.000 IOPS de performance. Em conjunto, essas tecnologias oferecem a escalabilidade e desempenho que as empresas necessitam para executar soluções mais exigentes na cloud pública. Deixam de existir quaisquer barreiras para a movimentação de servidores para a cloud pública da Microsoft.

Para disponibilizar aos clientes uma experiência híbrida a partir da cloud em todos os seus níveis, a Microsoft apresentou ainda a Cloud Platform System, uma nova oferta que proporciona o “Microsoft Azure in a box” para grandes empresas e fornecedores de serviços que necessitam da escala da cloud pública, mas do controlo de uma experiência “on-premises”. O Cloud Platform System é uma solução otimizada de hardware e software que inclui várias tecnologias da cloud pública Microsoft Azure e pode ser estendido em modelos híbridos.

A Microsoft lançou também o suporte a mais uma distribuição Linux, o CoreOS, estendendo assim o portfolio de sistemas operacionais e linguagens de programação que podem ser executados no Microsoft Azure, tornando-o uma das ofertas de cloud mais universais do mercado.

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor