Programa Centros de Dados Compartilhados é inaugurado em Recife

EmpresasHOMENegócios

Foi inaugurado no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), em Recife, mais um datacenter dos Centros de Dados Compartilhados (CDC), uma iniciativa dos Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e da Educação (MEC), coordenada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), em parceria com instituições de ensino e pesquisa

Foi inaugurado no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), em Recife, mais um datacenter dos Centros de Dados Compartilhados (CDC), uma iniciativa dos Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e da Educação (MEC), coordenada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), em parceria com instituições de ensino e pesquisa nas regiões Norte e Nordeste. A inauguração do CDC tem apoio e incentivo da Huawei, empresa global de soluções de tecnologia da informação e comunicação (TIC), que foi responsável pela doação e instalação dos equipamentos.

dados compartilhados

A crescente utilização no mercado e as vantagens apresentadas pelas tecnologias de nuvem levaram o MCTI e o MEC a adotá-las na infraestrutura de TIC para o suporte ao ensino e pesquisa no Brasil.

Um dos elementos essenciais para oferta de serviços de computação em nuvem no Brasil é a implantação e operação de datacenters. Com esse objetivo, nasceu uma parceria com a Huawei, empresa de TIC que tem atuado globalmente para promover uma inovação constante no setor de datacenters por mais de uma década. Todos os equipamentos doados pela empresa serão operados pela RNP.

Os Centros de Dados Compartilhados permitirão atender de forma escalonada e crescente a demanda por recursos computacionais baseados nas atuais tecnologias de Computação em Nuvem, impactando nas atividades de colaboração da comunidade acadêmica no Brasil, através de uma arquitetura em nuvem que começa a ser disponibilizada no Brasil pela RNP.

O objetivo é oferecer serviços de armazenamento, processamento e distribuição de conteúdo digital, incluindo software, dados, imagens e vídeos para instituições de ensino e pesquisa no Brasil. Além de Recife, também foi implantado um datacenter do CDC no Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) em Manaus (AM).

“Estamos implantando o serviço de nuvem computacional. Ao longo do tempo novos centros de dados, localizados em qualquer parte do país, vão permitir um maior compartilhamento de informações entre a comunidade de pesquisadores e professores e alunos em todo o país e vão garantir a replicação de acervos de dados fundamentais mantidos em diversos laboratórios em todo o país através da infraestrutura compartilhada e redundante que a nuvem oferece”, explica o Diretor de Serviços e Soluções da RNP, José Luiz Ribeiro Filho.

“Estamos muito satisfeitos em participar do programa CDC em Pernambuco. Presente no país há 15 anos, a Huawei tem estabelecido parcerias com líderes e representantes da indústria local a fim de fomentar o desenvolvimento tecnológico e socioeconômico brasileiro, melhorando a vida das pessoas por meio da comunicação”, ressaltou Jason Zhao, CEO da Huawei do Brasil.

A escolha do IFPE como instituição-abrigo em Recife se deve à infraestrutura. “Fomos eleitos entre várias instituições de ensino e pesquisa em Pernambuco por termos nos adequado, da melhor forma, aos critérios técnicos e estruturais solicitados para instalação do CDC”, afirma o Diretor de Tecnologia da Informação, Igor Negromonte.

Os Centros de Dados Compartilhados podem ser usados em diferentes áreas: na saúde, permitindo o armazenamento de imagens de cirurgias em Ultra Alta Definição 4K, produzidas pela Rede Universitária de Telemedicina; na cultura, para preservação e acesso ao acervo do conteúdo audiovisual nacional, como como os filmes do Canal 100, sobre o futebol brasileiro, mantido pela Cinemateca Brasileira, além de várias coleções históricas; na ciência, para o monitoramento do meio ambiente e a biodiversidade; e na gestão e desenvolvimento de Tecnologia e Inovação, para o acesso a indicadores, plataforma de periódicos científicos e sistemas de avaliação.

Os serviços de computação em nuvem operados pelo programa CDC rodam em equipamentos de infraestrutura de TI da Huawei montados no formato de contêineres. Esta tecnologia inclui servidores, armazenamento e sistemas de ar condicionado de precisão e de energia que garantem alto desempenho e fácil implementação para empresas de todos os segmentos e portes. Além disso, a Huawei foi a primeira empresa a conquistar a certificação Tier III para datacenter contêiner, o que garante a disponibilidade e segurança dos dados trafegados e armazenados no local.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor