Mercado brasileiro gera expectativa na Raisecom [com vídeo]

MobilidadeNegóciosOperadorasRedes

A B!T Brasil falou com Dario Zipris, o CEO da Raisecom Brasil. A empresa abriu recentemente um escritório no país e está apostando no mercado local, bem como em todo o espectro LATAM. Sinal disso é que o lançamento mundial de sua nova plataforma está sendo feito através do mercado brasileiro, tendo sido apresentada na

A B!T Brasil falou com Dario Zipris, o CEO da Raisecom Brasil. A empresa abriu recentemente um escritório no país e está apostando no mercado local, bem como em todo o espectro LATAM. Sinal disso é que o lançamento mundial de sua nova plataforma está sendo feito através do mercado brasileiro, tendo sido apresentada na Futurecom antes mesmo da apresentação internacional no Broadband World Forum em Amsterdam. Trata-se de uma solução desenvolvida para a China Telecom que a Raisecom está agora colocando no mercado internacional, começando exatamente pelo Brasil, e é uma plataforma de agregação que permite otimizar a capilaridade da rede.

Soluções de otimização são aquilo que, por norma, a empresa cria para seus clientes de forma a potenciar os budgets que de outra forma teriam de ser utilizados em soluções end to end dos grandes players locais como Huawei ou ZTE. A Raisecom pega depois nessas soluções e procura colocá-las nos mercados internacionais, adaptando-as a clientes e realidades locais.

Zipris falou ainda da conjuntura atual no mercado chinês de TI, destacando o fato de a China não ser mais apenas um país de manufatura e se ter tornado numa nação geradora de tecnologia, recheada de profissionais com grande formação (as empresas chinesas têm em seus quadros uma porcentagem significativa de PHDs) que estão criando soluções para grandes empresas, por exemplo dos segmentos de telecom e transportes.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor