Software livre do Inpe vence prêmio internacional

HOME

O TerraMA² conquistou o primeiro lugar do Prêmio GeoSur 2014. O projeto é uma plataforma computacional para o desenvolvimento de sistemas de monitoramento, análise e alerta a extremos ambientais. O projeto TerraMA², do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe/MCTI), conquistou o primeiro lugar do Prêmio GeoSur 2014. A iniciativa é uma plataforma computacional para o

O TerraMA² conquistou o primeiro lugar do Prêmio GeoSur 2014. O projeto é uma plataforma computacional para o desenvolvimento de sistemas de monitoramento, análise e alerta a extremos ambientais.
46215
O projeto TerraMA², do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe/MCTI), conquistou o primeiro lugar do Prêmio GeoSur 2014. A iniciativa é uma plataforma computacional para o desenvolvimento de sistemas de monitoramento, análise e alerta a extremos ambientais.
Coordenado pelo pesquisador Eymar Lopes, da Divisão de Processamento de Imagens do Inpe, o TerraMA²é um software livre destinado a qualquer usuário interessado em desenvolver seu próprio sistema operacional de riscos ambientais.
Oferecido pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e pelo Instituto Pan-Americano de Geografia e História (IPGH), o Prêmio GeoSur reconhece projetos relevantes e inovadores de aplicação de dados espaciais e o desenvolvimento de serviços de informação geoespacial. O prêmio será entregue no dia 13 em Santiago, Chile, durante o 7° Encontro do Programa GeoSur. Visite a página do programa.Com o TerraMA² como base, é possível monitorar qualquer ocorrência a partir de informações disponíveis na internet. Podem ser utilizados dados provenientes de satélites e radares meteorológicos ou ainda modelos de previsões numéricas. Também servem dados de pontos fixos como plataformas de coleta de dados (PCD), sondas, boias, estações e instrumentos geotécnicos.
A possibilidade de reunir diferentes bases de informações permite que o software seja usado como plataforma para o monitoramento de ocorrências de vários tipos. O usuário pode acompanhar desde incêndios florestais, deslizamentos, enchentes e estiagens, até interrupções na rede de energia por raios e movimentos de marés com ressacas em regiões portuárias, entre outras situações de risco.
Para isso, o TerraMA² integra serviços geográficos e modelagem, através do acesso em tempo real a dados meteorológicos, climáticos, atmosféricos, hidrológicos, geotécnicos, demográficos etc.

Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor