Ataques DDoS vão causar prejuízos em 2015

HOMESegurança

Novas técnicas de ataques distribuídos de negação de serviços — DDoS — podem dar muita dor de cabeça às corporações, nos próximos anos, diz a Aio Networks, empresa especializada em tecnologias de aplicações de rede. Atualmente, a maior parte das ofensivas DDoS visa vantagem financeira, são sofisticadas e financiadas por criminosos cibernéticos organizados. Diz ainda a

Novas técnicas de ataques distribuídos de negação de serviços — DDoS — podem dar muita dor de cabeça às corporações, nos próximos anos, diz a Aio Networks, empresa especializada em tecnologias de aplicações de rede. Atualmente, a maior parte das ofensivas DDoS visa vantagem financeira, são sofisticadas e financiadas por criminosos cibernéticos organizados.

DDoS-attack-623x426

Diz ainda a empresa que também há ofensivas na infraestrutura e na camada de aplicação e uma variedade de técnicas utilizadas: volumétricos, multi-vetoriais, de fragmentação, a protocolo de recursos, ataques avançados à camada de aplicações etc. Identificação proativa, monitoramento comportamental, bloqueio do tráfego ilícito e liberação do tráfego legítimo, potência elevada de processamento, algoritmos eficientes, além de soluções que se antecipem às ameaças e tenham base de dados atualizada diariamente são alguns dos requisitos tecnológicos exigidos.

O diretor regional para América Latina e Ibéria, Alain Karioty, explica que a evolução das defesas e dos ataques, cada vez mais sofisticados, diversificados e concomitantes, ampliou o leque de técnicas e formas de planejá-los e executá-los. “As ofensivas multi-vetoriais, por exemplo, ampliam a probabilidade de sucesso, valendo-se de métodos diferentes e simultâneos, que podem durar dias e, mesmo, serem imperceptíveis, mas reduzem o tempo de resposta dos serviços causando muito prejuízo”, avalia.

O contexto dos crimes cibernéticos é alarmante. Há, inclusive, extorsão. As organizações têm que pagar para que o ataque cesse e seus serviços sejam normalizados, o que não garante que não ocorrerá novamente ou que serão cobradas quantias maiores. Ataques à disponibilidade saturam os recursos e os tiram do ar, causando enormes prejuízos. Há ataques impetrados por muitos dias, causando lentidão no serviço o que eleva o número de abandono de carrinhos de compras no e-commerce, por exemplo, e pode ser muito interessante para a concorrência. Os dispositivos móveis se somam a esse contexto, expondo vulnerabilidades não previstas. As principais consequências são prejuízos financeiros e à imagem da marca.

“A pergunta que as empresas, governos e outras instituições precisam fazer é se estão preparadas para ataques multi-vetoriais,” avalia o engenheiro sênior da Aio Networks no Brasil, Daniel Junqueira. “É importante lembrar que a segurança é uma busca incessante, uma vez que os atacantes se sofisticam constantemente. Por isso, a Aio criou ampla capacidade de detecção e mitigação de ataques multi-vetoriais e de outras técnicas usadas pelos hackers. A proteção multi-nível do Thunder TPS, por exemplo, garante a disponibilidade do serviço, evitando prejuízos.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor