Candidatos a diretor do INT fazem apresentação pública dia 23

EmpresasNegócios

No dia 23, das 9h às 12h, os candidatos a diretor do Instituto Nacional de Tecnologia (INT/MCTI) farão uma apresentação pública de suas propostas de gestão diante do comitê de busca que conduz o processo de seleção. O evento será realizado no Auditório Fonseca Costa, na sede do INT, no Rio de Janeiro, onde acontecerão

No dia 23, das 9h às 12h, os candidatos a diretor do Instituto Nacional de Tecnologia (INT/MCTI) farão uma apresentação pública de suas propostas de gestão diante do comitê de busca que conduz o processo de seleção. O evento será realizado no Auditório Fonseca Costa, na sede do INT, no Rio de Janeiro, onde acontecerão também, no turno da tarde, as entrevistas individuais com os candidatos.

Novas-Tecnologias-do-Mundo-da-Publicidade-03

O número total de candidaturas e os nomes dos participantes do pleito só serão conhecidos após o encerramento do período de envio de propostas, que se estende até o final de amanhã, dia 15. O processo é orientado pela Subsecretaria de Coordenação das Unidades de Pesquisa (Scup) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e conduzido pelo comitê de especialistas, presidido pelo ex-ministro Marco Antonio Raupp, atual diretor geral do Parque Tecnológico de São José dos Campos (PqTec-SJC).

O comitê de busca tem ainda como membros os presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), Evaldo Ferreira Vilela; do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), João Alziro Herz da Jornada; e da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), João Fernandes Gomes de Oliveira; o secretário de Ciência e Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Carlos Augusto Grabois Gadelha; e o tecnologista Alexandre Benevento Marques, representante dos servidores do INT.

Candidatam-se ao cargo tecnologistas, engenheiros e pesquisadores, brasileiros ou naturalizados, de reconhecida competência profissional, com visibilidade entre a comunidade tecnológica e científica, experiência administrativa e capacidade de liderança frente à diversidade de áreas de atuação do INT.

Também é indicado no edital que os candidatos tenham visão de futuro para a instituição, empenho no desenvolvimento integrado científico e tecnológico do país e capacidade para tratar problemas políticos relacionados com o INT e de gestão, envolvendo atividades internas e externas de relacionamento com órgãos de pesquisa e de financiamento.

Ao final da avaliação, o comitê encaminhará uma lista tríplice, com suas considerações, ao ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, a quem caberá a escolha final do nome para preencher o cargo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor