Sistemas Seguros migra portfólio de software para a nuvem AWS

CloudEmpresasNegócios

A Sistemas Seguros, desenvolvedora de sistemas para segmento de corretoras de seguros, contratou a Dedalus Prime para avançar em seu projeto de migração de seus produtos de gestão e vendas para o modelo SaaS, a partir dos serviços em nuvem da Amazon Web Services. Com isso, a empresa inaugura uma nova etapa e passa a

A Sistemas Seguros, desenvolvedora de sistemas para segmento de corretoras de seguros, contratou a Dedalus Prime para avançar em seu projeto de migração de seus produtos de gestão e vendas para o modelo SaaS, a partir dos serviços em nuvem da Amazon Web Services. Com isso, a empresa inaugura uma nova etapa e passa a oferecer produtos com alta disponibilidade e segurança, além de ganhar com a escalabilidade do seu próprio negócio.

AWS-Data-Center

Como fornecedor de software, com mais de 20 anos de mercado, a Sistemas Seguros possui mais de 40.000 usuários utilizando seus produtos, em um dos mercados que mais cresce no Brasil, mas muito competitivo e, por isso, busca por inovação para garantir a competividade e reduzir os custos operacionais. Reduzir os investimentos em infraestrutura de TI também faz muita diferença.

A mudança para a nuvem, conta Fernando Rodrigues, diretor comercial e operacional da empresa, é inevitável e um caminho sem volta. A automação dos processos de negócios no setor de seguros caminha rapidamente para o uso de aplicações em nuvem e as empresas estão cada vez mais migrando vários de seus processos para o novo ambiente. “Este é um passo natural, ter acesso as informações a qualquer hora e de qualquer lugar é crucial para o sucesso do negócio de corretagem de seguros, o que nos motivou a buscar um provedor de serviços de alta qualidade em Cloud e com garantia de alta disponibilidade”, comenta.

Antes de se definir pela AWS, Fernando Rodrigues conta que algumas experiências com provedores no Brasil já haviam sido realizadas, mas, os resultados não atenderam à necessidade do projeto, além do desempenho baixo, com falhas no apoio tecnológico e suporte. “Tudo o que precisávamos, encontramos na Amazon Web Services”, revela o executivo.

A migração começou “dentro de casa”, conta ele. A equipe de TI da Sistemas Seguros ficou responsável por contratar o servidor AWS e a iniciar o projeto de mudança. “No começo funcionou bem, até o momento que a nossa base de usuários começou a crescer, ou seja, os nossos clientes começaram a aderir maciçamente a este modelo de cloud system e nós percebemos que a nuvem que necessitávamos não era mais possível fazer dentro de casa. Então, buscamos na Dedalus – por indicação de alguns de nossos fornecedores – o apoio necessário para isso. É ela quem nos auxilia nesta nova fase de utilização de nossas aplicações na nuvem AWS”.

Os softwares da Sistemas Seguros são desenvolvidos em C# ASP.NET para plataforma Windows com banco de dados SQL Server. Na AWS foram criadas duas zonas para a replicação dos clientes, com as aplicações usando EC2 e S3 e os bancos de dados sendo replicados em máquinas diferentes das aplicações. Tudo está sob auto scaling para que o consumo seja balanceado a 24/7 e é consumido apenas o que os clientes demandam e é pago apenas pelo que realmente é consumido. Para o usuário, avalia Fernando Rodrigues, nada mais é percebido além de reduzir a quase zero a instabilidade no uso das aplicações.

Para dar a resposta afirmativa à evolução do projeto com AWS, a Sistemas Seguros confiou na Dedalus toda a responsabilidade de cuidar do processo e da infraestrutura na Amazon Web Services, para que o pessoal de TI possa focar no negócio, que é desenvolver o software para as corretoras de seguros e não se preocupar com servidores, se ele está rodando ou não. “A Dedalus chegou realmente como parceira para integrar de fato e trouxe uma vantagem grande para nós, acoplando outras tecnologias ao ambiente AWS que não tínhamos antes, como a Trend Micro para aumentar a segurança, a New Relic, que nos ajuda a definir e acompanhar o desempenho das nossas aplicações no ambiente AWS para que tudo isto nos permita gerar um resultado final com qualidade e disponibilidade para o nosso cliente. Com isso, unimos o nosso conhecimento adquirido dentro de casa com a experiência da Dedalus e conseguimos melhorar o serviço oferecido. Podemos dizer agora que estamos caminhando neste universo cloud system, enquanto que há um ano atrás apenas engatinhávamos. Esta parceria com a AWS e Dedalus está sendo muito boa para os nossos negócios”, sentencia.

A oferta dos sistemas na nuvem, trouxe, inicialmente, algumas dúvidas para os clientes da Sistemas Seguros, devido a vários fatores, tais como o entendimento sobre a segurança por não saberem exatamente aonde ficariam as suas informações críticas e “nós notamos que este impacto negativo está desaparecendo com o tempo”, releva Fernando Rodrigues. “Os clientes estão bem mais receptivos a este ambiente cloud system. Também criamos um ambiente aonde o cliente pode experimentar a nova arquitetura, para que ele perceba as vantagens do nosso novo modelo, com isto oferecemos uma gama de aplicações que garantem toda a funcionalidade do novo ambiente. Isso tudo deu maior credibilidade ao nosso serviço”

“Estamos fazendo o que antes era impossível e estamos mudando a maneira de oferecer nossos produtos, deixando totalmente de lado a forma tradicional, para oferecer software como serviço, só que agora com mais tranquilidade, sem problemas de estabilidade que muitos fornecedores de software enfrentam nesta transição, principalmente porque não contam com a qualidade e segurança AWS e Dedalus. Agora podemos oferecer nossa linha de software em nuvem com alta disponibilidade e escalabilidade, de acordo com o crescimento da utilização por parte dos clientes. Isso viabiliza o nosso negócio”, destaca o executivo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor