Telecom Italia quer investir mais no Brasil

NegóciosOperadorasRedes

Marco Patuano, presidente-executivo da Telecom Italia, disse que a operadora está interessada em aumentar os investimentos no Brasil, durante 2015. A afirmação foi feita depois de uma reunião com o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini. O presidente da empresa disse que os investimentos podem ser elevados, através da TIM. “Nos próximos anos, vamos ter um

Marco Patuano, presidente-executivo da Telecom Italia, disse que a operadora está interessada em aumentar os investimentos no Brasil, durante 2015.

telecom italia

A afirmação foi feita depois de uma reunião com o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini. O presidente da empresa disse que os investimentos podem ser elevados, através da TIM.

“Nos próximos anos, vamos ter um diferente padrão de investimento. Acho que vamos ter mais investimentos em telefonia móvel de terceira e quarta gerações (…). O investimento de 2015 será significativamente maior do que em 2013 e 2014”, disse Patuano.

Apesar da afirmação, não foi dito de quanto poderia ser o valor desses investimentos, já que a ideia é que os números sejam anunciados a 20 de fevereiro.

Patuano disse ainda que não discutiu com o ministro uma possível fusão que envolvesse a TIM. Existem vários cenários para a TIM no Brasil, mas há um que o executivo descartou. Foi dito que a empresa não seguiria os passos da Telefónica, que comprou a operadora de banda larga GVT, com a meta de conseguir ganhar espaço no mercado da telefonia fixa. Patuano explicou que o principal foco da Telecom Italia em território brasileiro passa e continuará a passar pelas comunicações móveis.

“Estamos muito focados em telefonia móvel, a TIM está se recuperando muito bem após momento de problemas na qualidade de serviço e vamos melhorar mais ainda em termos de cobertura, velocidade e tecnologia. Nesse momento, o foco das operações é a telefonia móvel”, disse Patuano.

Apesar de a economia brasileira mostrar um baixo crescimento, o executivo afirmou ainda que isso não é uma preocupação para a Telecom Italia, uma vez que a companhia planeja seus investimentos a longo prazo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor