Adaptworks fecha 2014 com 35% de crescimento

EmpresasNegócios

A Adaptworks, especializada em treinamento e desenvolvimento de software, registrou em 2014 um crescimento de 35% no volume de negócios, em ralação a 2013. De acordo com o diretor de marketing e vendas da companhia, Noel Portugal, grande parte deste aumento se deve à ampliação na procura por capacitação em Agile, principalmente nas grandes empresas.

A Adaptworks, especializada em treinamento e desenvolvimento de software, registrou em 2014 um crescimento de 35% no volume de negócios, em ralação a 2013. De acordo com o diretor de marketing e vendas da companhia, Noel Portugal, grande parte deste aumento se deve à ampliação na procura por capacitação em Agile, principalmente nas grandes empresas.

Noel Portugal Adaptworks

“Acreditamos que, com a institucionalização dos métodos ágeis pela indústria em geral, o mercado passou a procurar cada vez mais por treinamentos e certificações”, afirma. Um exemplo foi a ampliação, ao longo do ano, da oferta de treinamentos no framework SAFe (Scaled Agile Framework). Voltado para grandes empresas que fazem uso de metodologias ágeis – como o Scrum – em suas áreas de desenvolvimento, o SAFe vem ganhando espaço.

Portugal lembra que o SAFe não se trata de uma nova metodologia, mas de uma evolução das metodologias ágeis existentes. “É um framework desenvolvido para ajudar empresas que estão tentando usar o Agile em larga escala. Se aplica bem em organizações que o utilizaram em um ou dois times de projetos, e agora querem disseminar a prática por toda a organização”, explica.

De acordo com o diretor da empresa o ritmo de crescimento deve aumentar ainda mais em 2015. A previsão é crescer 40% este ano, isso em razão da manutenção do interesse do mercado em metodologias ágeis e das ações a serem adotadas pela companhia para atender à demanda, tais como parcerias estratégicas. “Já tínhamos uma boa representatividade em escala nacional, mas ganhamos mais força na presença da marca e na venda dos treinamentos com as parcerias regionais, que hoje representam cerca de 20% de nosso faturamento, por isso vamos intensificar essas ações e aumentar a capacidade de entrega, formando novos instrutores associados”, revela, lembrando que, com as parcerias fechadas em 2014, os cursos da Adaptworks tiveram um maior alcance de publico em São Paulo (SP), Curitiba e Maringá (PR), Florianópolis (SC) e Recife (PE).

Além disso, a empresa deve manter sua estratégia de pioneirismo na oferta de novos treinamentos no mercado brasileiro. Portugal ressalta que a Adaptworks participa de eventos dentro e fora do Brasil sempre com este objetivo. “Recentemente participamos do Agile Brazil, um dos eventos mais importantes do País e nossa presença lá serviu para demonstrar nosso pioneirismo no setor”, afirma, destacando que o foco nesta edição do evento foi a divulgação do treinamento Safe, trazido em primeira mão pela empresa para o Brasil, com certificação.

Outro exemplo é o Management 3.0, também trazido para o mercado brasileiro pela Adaptworks, que hoje é a empresa que mais conta com ofertas do curso. “O curso ajuda as empresas a desburocratizar os processos internos que comprometem o equilíbrio da cultura organizacional, além disso, ele prepara a companhia para lidar melhor com a complexidade do mercado nos dias de hoje”, define o executivo, abordando que uma das principais transformações causadas pela metodologia nas empresas é a melhora na qualidade de vida dos funcionários.

O Management 3.0 não se restringe a área de TI, mas se adequa melhor às empresas que já tenham afinidade com metodologias ágeis, uma vez que estimula a auto-organização, a quebra da estrutura chefe-funcionário e o compartilhamento de decisões, tudo com o objetivo de transformar a estrutura da empresa em algo mais orgânico. “Há muitas empresas no mercado com maturidade para aplicar grande parte dos conceitos e outras que já iniciaram o processo de transformação organizacional”, afirma Portugal, lembrando que, com estas apostas, a Adaptworks espera treinar mais de 1.500 profissionais em 2015. Desde 2009, quando a empresa foi fundada, foram mais de 10 mil alunos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor