Alibaba investe US$ 590 milhões em fabricante de smartphones

Negócios

O gigante chinês de e-commerce Alibaba anunciou que investiu US$ 590 milhões na fabricante de smartphones chinesa Meizu. Com este investimento de capital, a Alibaba consegue uma participação na empresa (ainda que sem porcentagem revelada), mas o negócio é particularmente interessante do ponto de vista da estratégia entre as duas empresas. A Meizu tem um

O gigante chinês de e-commerce Alibaba anunciou que investiu US$ 590 milhões na fabricante de smartphones chinesa Meizu.

alibaba-jack-ma-at-agm-2009

Com este investimento de capital, a Alibaba consegue uma participação na empresa (ainda que sem porcentagem revelada), mas o negócio é particularmente interessante do ponto de vista da estratégia entre as duas empresas.

A Meizu tem um processo de vendas on-line semelhante ao da Xiaomi e alguma expressão de vendas no país, mas ainda não ocupa um lugar na lista das cinco empresas de smartphones que mais vendem na China. Em janeiro deste ano, conseguiu vender 1,5 milhões de smartphones, número que ainda não faz concorrência às restantes empresas – as vendas da Meizu contam por apenas 2% do mercado chinês.

Com o negócio, a Meizu passa a integrar o sistema operacional da Alibaba – que tem estado em dificuldades – no seu hardware. O sistema é parecido com o Android e é usado em smartphones e sets de TV. Para além disso, os smartphones da Meizu passam a ser vendidos também na plataforma de e-commerce da Alibaba.

Conforme foi divulgado em comunicado, “o grupo Alibaba irá fornecer à Meizu recursos e apoio nos campos de e-commerce, internet móvel, sistema operacional mobile e analytics, com o objetivo de desenvolver o ecossistema de smartphones da Meizu.”

Um dos principais objetivos da Alibaba é conseguir expandir-se para além do mercado de e-commerce, como é exemplo disso sua incursão no mundo dos smartphones. No entanto, empresas chinesas como a Xiaomi têm tido mais sucesso, fazendo o percurso inverso, ou seja, do fabrico de smartphones e outros dispositivos para o e-commerce.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor