Governo dos EUA planeja leilão de bitcoins apreendidas

Negócios

O governo norte-americano anunciou que, no próximo dia 5 de março, irá fazer um leilão de cerca de 50 mil bitcoins. As moedas virtuais foram apreendidas durante o fecho do site Silk Road, que permitia atividades ilícitas na internet. É a terceira vez que os U.S Marshals irão fazer um leilão do género, com bitcoins

O governo norte-americano anunciou que, no próximo dia 5 de março, irá fazer um leilão de cerca de 50 mil bitcoins. As moedas virtuais foram apreendidas durante o fecho do site Silk Road, que permitia atividades ilícitas na internet.

bitcoins

É a terceira vez que os U.S Marshals irão fazer um leilão do género, com bitcoins apreendidas durante o processo do Silk Road. De acordo com as autoridades, o site, que funcionava como mercado negro online, permitia vender ou comprar drogas e outras atividades ilegais, com a bitcoin como forma de pagamento.

Ross Ulbricht, de 30 anos, está a ser julgado em Manhattan. No dia 4 de fevereiro, foi acusado de tráfico de narcóticos e por auxílio em atividades ilegais, num valor que as autoridades acreditam que possa rondas os US$ 200 milhões.

Ulbricht operava no Silk Road através do nickname “Dread Pirate Roberts”, quando o site foi fechado, em outubro de 2013. Até agora, admitiu ter criado o site, mas não se diz responsável pelas atividades ilícitas praticadas online. A sentença de Ulbricht, que enfrenta prisão perpétua, é conhecida no dia 15 de maio.

Em relação ao leilão, quem estiver interessado em adquirir a moeda virtual, precisa de se registrar, para depois conseguir participar no leilão de seis horas, que acontece no dia 2 de março. Depois, no dia 6 de março, os licitadores com as propostas mais altas serão notificados.

Os detalhes estão disponíveis aqui. As autoridades já explicaram que as 50 mil bitcoins serão disponibilizadas em dez blocos de 2 mil bitcoins ou dez blocos de 3 mil.

Atualmente, as bitcoins estão a ser trocadas a US$ 240. A moeda virtual tem constantes alterações de preço, devido a sua falta de regulamentação por parte das autoridades.

Nos dois leilões anteriores de bitcoins apreendidas feitos pelo governo norte-americano, as bitcoins foram negociadas a US$ 601, em junho, e a US$ 369, no leilão de dezembro.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor