Fluke Networks atualiza solução para proteção de redes móveis

RedesSegurançaSoftware

A Fluke Networks, referência no fornecimento de soluções de teste de rede e monitoramento, anunciou uma grande atualização em sua solução de segurança de redes sem fio líder de mercado, AirMagnet Entrerprise. De acordo com a empresa, os recursos adicionados possibilitam proteção non stop, detecção, localização, alerta, mitigação e relatórios sobre violações de segurança em

A Fluke Networks, referência no fornecimento de soluções de teste de rede e monitoramento, anunciou uma grande atualização em sua solução de segurança de redes sem fio líder de mercado, AirMagnet Entrerprise. De acordo com a empresa, os recursos adicionados possibilitam proteção non stop, detecção, localização, alerta, mitigação e relatórios sobre violações de segurança em celulares e Wi-Fi.

fluke1

Com atualizações de possíveis ameaças em tempo real, rastreamento de localização e alerta de dispositivos móveis ou Wi-Fi, o AirMagnet Enterprise é a primeira solução de prevenção e detecção de ameaças e vulnerabilidades de sistemas sem fio (WIDS/WIPS) disponível no mercado capaz de fazer cumprir uma zona “No-wireless” 24 horas, sete dias por semana. A solução também auxilia as organizações a atender os rigorosos padrões de conformidade do PCI 3.0, localizar e bloquear dispositivos não autorizados no padrão 802.11ac, além de disponibilizar um portal de suporte exclusivo que assegura rede sem fio aos visitantes.

Dados móveis, dispositivos móveis e violações de segurança continuam em franco crescimento. Por isso, a necessidade de se identificar imediatamente todas as atividades não autorizadas na rede sem fio, independente do tipo de rede, e impor uma zona “No-Wireless”, é algo crítico para a maior parte das empresas que lidam com informações confidenciais e precisam proteger seus data centers. O AirMagnet Enterprise oferece um sistema sem fio completo e unificado nos padrões 802.11a/b/g/n/ac e para celulares 3G, 4G LTE, CDMA, com espectro seguro em toda a infraestrutura de rede sem fio.

De acordo com David Coffin, CTO da Fluke Networks, “a mais recente otimização do recurso de detecção de interferências introduzida no AirMagnet Enterprise ajuda as equipes de TI a identificar, localizar e minimizar as ameaças de segurança em celulares e dispositivos Wi-Fi, assim como os dispositivos e sistemas bloqueadores não autorizados. A solução reforça a implementação de uma zona No-Wireless. As operações de segurança e de rede das empresas não só têm que lidar com os perigos inerentes e impactos no desempenho BYOD em suas redes, mas também com o risco real de espionagem, hackers e ataques de dentro ou fora de suas fronteiras corporativas. O AirMagnet Entrerprise oferece novos e avançados recursos de segurança para ajudar a combater estas ameaças em constante evolução”.

O AirMagnet analisa todos os 245 canais Wi-Fi, protege contra mais de 230 ameaças e rapidamente identifica e reage aos problemas de segurança e desempenho.. Ele também inclui tecnologia de atualização dinâmica para ameaças, o que permite uma resposta rápida às novas assinaturas, muitas vezes dentro de 24 horas, após a identificação.

A Verificação Automatizada de integridade (AHC) do AirMagnet verifica o ambiente sem fio do cliente em tempo real por toda a rede WLAN, apontando instantaneamente interrupções e lentidão antes que os usuários sejam afetados.

O AirMagnet oferece ainda um pacote forense remoto, que elimina acessos físicos dispendiosos e ajuda as equipes de TI a analisar e arquivar rapidamente o pacote exato que causou o alarme.

“Como vimos com os recentes ataques, as empresas correm risco de danos a longo prazo para a sua marca e reputação, bem como a perda de produtividade imediata e de receitas, sem a detecção e mitigação completa de ameaças de segurança “, disse Coffin . “O AirMagnet Enterprise oferece às organizações o conjunto mais abrangente de ferramentas sem fio para o monitoramento e proteção de segurança, à disposição dos profissionais de TI e de segurança para que estes possam proteger as suas respectivas organizações e seus clientes.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor