Google compra aplicativo de compartilhamento de fotos

EmpresasNegócios

O Google comprou o Odysee, um aplicativo que permite compartilhar fotos e as armazenar diretamente no computador do usuário. A partir de agora, a equipe responsável e as potencialidades do aplicativo passam para o Google+, mostrando que o Google ainda não desistiu de sua rede social. O aplicativo permite armazenar automaticamente as fotografias tiradas em smartphones

O Google comprou o Odysee, um aplicativo que permite compartilhar fotos e as armazenar diretamente no computador do usuário. A partir de agora, a equipe responsável e as potencialidades do aplicativo passam para o Google+, mostrando que o Google ainda não desistiu de sua rede social.

googleplus2

O aplicativo permite armazenar automaticamente as fotografias tiradas em smartphones ou tablets para o computador do usuário, em vez de ser integrado numa nuvem pública. Além disso, permite também acessar as fotos mesmo que o computador estiver offline ou a conexão de internet for lenta.

De acordo com o anúncio feito pelo aplicativo a seus usuários, o serviço será encerrado a 23 de fevereiro. Nenhuma das partes esclareceu quais foram os valores do negócio.

Depois da data de encerramento, o comunicado do Odysee esclareceu que as fotografias e vídeos dos usuários estarão disponíveis como arquivo para download. Entretanto, o aplicativo já não está disponível para ser baixado na App Store ou no Google Play.

Outra das funções que distinguia o Odysee de outros serviços de armazenamento de fotos é que era possível criar um pequeno grupo de seguidores (família, amigos, por exemplo), que poderiam ver as fotos que cada usuário partilhava. Na descrição do aplicativo, a empresa dizia que o “Odysee guarda cópias de fotos e vídeos acessados recentemente em alta qualidade”, para que estivessem sempre disponíveis.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor