Indiana Cyberoam investe em estratégia de canais para crescer no Brasil [entrevista]

EmpresasFornecedores de SoftwareNegóciosProjetos

Fundada na Índia, a Cyberoam fabrica firewalls de última geração destinados a corporações globais de todos os tamanhos, incluindo os setores de Manufatura, Educação, Saúde, Financeiro, Varejo e TI. Presente no Brasil desde 2010, a empresa tem desenvolvido um forte trabalho junto a sua rede de canais para apresentar seus produtos aos gestores de TI

Fundada na Índia, a Cyberoam fabrica firewalls de última geração destinados a corporações globais de todos os tamanhos, incluindo os setores de Manufatura, Educação, Saúde, Financeiro, Varejo e TI. Presente no Brasil desde 2010, a empresa tem desenvolvido um forte trabalho junto a sua rede de canais para apresentar seus produtos aos gestores de TI e conquistar mercado, adotando inclusive uma agressiva campanha de incentivos para viabilizar seu crescimento.

tapan gohel

A B!T conversou com Tapan Gohel, Gerente Regional da América Latina e Europa da Cyberoam, que falou sobre o mercado brasileiro, a estratégia de canais da empresa e das perspectivas para a companhia.

B!T: Sr. Gohel, como tem sido a atuação da Cyberoam no Brasil até agora?
Tapan Gohel:
O Brasil é estratégico para a Cyberoam pois, atualmente, mais de 70% dos negócios são gerados a partir de São Paulo. O país está avançando rapidamente e a demanda por segurança, que havia ficado estável recentemente, está projetada a crescer a médio e longo prazo. Nos próximos dois anos, nós iremos intensificar os treinamentos técnicos e de vendas para nossos parceiros. Além disso, temos melhorado e nossos programas com descontos para parceiros, de forma que gere mais lucros e gratificações.

B!T: Na sua opinião, quais as similaridades e diferenças do mercado do Brasil e da Índia?
Tapan Gohel:
O Brasil é minha segunda casa. Ele é muito parecido com a Índia com similaridades culturais, com o mesmo avanço da tecnologia e o aumento da sensibilização para as questões de segurança. O ponto importante a destacar é que, em ambos os países, indivíduos e companhias atualmente têm retratado um entendimento muito melhor sobre TI e sobre cibersegurança. As organizações no Brasil assim como a Índia avaliam a segurança como um investimento necessário e não veem mais meramente como um custo. O impacto da internet no crescimento da economia e a prosperidade é algo muito similar em todas as regiões dos BRICs. Como resultado, preocupação com a segurança está crescendo entre usuários, organizações e governos.

B!T: O Brasil tem grande alinhamento tecnológico com os EUA e já se mostrou refratário a adotar tecnologia de países emergentes como a China. O sr. sente esse receio do gestor de TI em relação aos produtos da Cyberoam? Existe um trabalho por parte de vocês para conscientizar o gestor brasileiro da qualidade e inovação dos seus produtos e soluções?
Tapan Gohel
: Vejo o desconhecimento sobre a marca Cyberoam e sobre a alta qualidade de nossos produtos como uma imensa oportunidade. A Cyberoam tem uma reputação única mundial com base na qualidade de seu portfólio composto por firewalls de última geração com preços competitivos e oferecemos garantia de três anos, suporte local em português de pré e pós-venda, assim como uma ampla rede de canais no Brasil. Estamos conduzindo mais atividades com foco em parceiros e clientes incluindo webinars, roadshows etc com objetivo de educar os gerentes de TI brasileiros com as melhores práticas de segurança.

B!T: Qual a importância dos canais para a expansão da Cyberoam no Brasil? Quais parcerias foram estabelecidas nesse sentido?
Tapan Gohel:
Nós somos uma companhia que trabalha com vendas 100% via canais. Para nós, os parceiros vêm em primeiro lugar e nós acreditamos que trabalhando lado a lado nós iremos crescer juntos. Nós temos a sorte de ter adquirido parceiros fiéis no Brasil. Eles acreditam no crescimento da Cyberoam e valorizam o nosso apoio. A Cyberoam tem mais de mais de 150 parceiros de canal com 20 parceiros Platinum e 15 parceiros na categoria Ouro.

B!T: A capacitação dos revendedores compensa o investimento? É possível quantificar o retorno alcançado?
Tapan Gohel:
Claro, esta tem sido a parte mais importante da nossa associação. Nós sempre acreditamos no treinamento de nossos parceiros, por isso, mantemos as revendas atualizadas sobre os desenvolvimentos de recursos e aprimoramentos de firmwares. Contamos com mais de 125 engenheiros de parceiros certificados (CCNSP) que são capazes de fornecer o primeiro e segundo nível de suporte por conta própria. O treinamento é uma obrigação do fabricante e mantemos um calendário de treinamento planejado para o ano inteiro.

B!T: Inicialmente, a Cyberoam mirava em pequenas e médias empresas, mas ampliou seu foco para o segmento enterprise. Como tem sido essa transformação?
Tapan Gohel:
Embora tenhamos sido pioneiros na presença no mercado SMB, entrar em mercados emergentes no segmento empresarial requer habilidades, know-how tecnológico, disposição e vontade coletiva para ir além. Graças à equipe de desenvolvimento de produtos, hoje contamos com um portfólio que abrange firewall robustos e de última geração, juntamente com recursos como portas flexíveis (Flexi-ports). Estamos prestes a capturar uma parcela significativa no mercado empresarial de médio e grande porte com os mais elevados Mbps por dólar gasto.

B!T: Em quais verticais a Cyberoam está presente no Brasil?
Tapan Gohel:
No Brasil, estamos presentes em segmentos pulverizados e em setores como Educação, Varejo, Indústria etc.

B!T: Vocês tem apresentado crescimento no Brasil nos últimos anos. Qual a projeção para 2015 e os principais desafios que o ano representa?
Tapan Gohel:
O Brasil continua a ser o mercado mais lucrativo e promissor na América Latina. A Internet já atingiu a massa crítica e empresas de todos os tamanhos estão fazendo uso extensivo de tecnologias web para expandir e se integrar no comércio global. As empresas presentes no país estão passando por uma transformação e estão experimentando as tendências SMAC (Social, Mobile, Analytics e Cloud). À medida que essas empresas estão conectadas local e globalmente, elas irão precisar de um parceiro de segurança de rede confiável como a Cyberoam.

 

 

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor