NEC ajuda operadoras a reforçarem seus serviços e redes

MobilidadeOperadorasRedes

A NEC vai estar presente no Mobile World Congress 2015 e vai levar até Barcelona novas soluções. As novidades da empresa vão incidir mais fortemente sobre a maximização das capacidades das redes das operadoras de telecomunicações. Com o objetivo de ajudar as empresas de telecomunicações a capitalizarem ao máximo as suas redes e a oferecerem

A NEC vai estar presente no Mobile World Congress 2015 e vai levar até Barcelona novas soluções. As novidades da empresa vão incidir mais fortemente sobre a maximização das capacidades das redes das operadoras de telecomunicações.

telecom

Com o objetivo de ajudar as empresas de telecomunicações a capitalizarem ao máximo as suas redes e a oferecerem aos clientes serviços aprimorados, o portfólio de produtos que a NEC levará consigo até ao evento na cidade espanhola permitirá que as operadoras possam, de forma mais eficaz e rentável, atender às necessidades dos setores em que atuam – doméstico, empresarial e governamental.

No decorrer do MWC ’15, a NEC apresentará as suas soluções para as chamadas “cidades do futuro” ou smart cities, que visam incrementar as capacidades das infraestruturas dos centros urbanos mediante tecnologia SDN (Software-Defined Networking) e NFV (Network Functions Virtualization). Assim, serão fortalecidas as competências machine-to-machine, e serão potenciadas a eficiência, a rentabilidade e a sustentabilidade das cidades.

Através da virtualização das funcionalidades de gateway residencial, a NEC desenvolveu uma plataforma que permite diminuir consideravelmente o número de visitas de técnicos à casas dos clientes para reparação de avarias ou suporte. A partir deste serviço, a NEC quer permitir que, através de uma base de informações e de contacto virtual com os fornecedores de serviços, as pessoas possam ter um acesso mais rápido e centralizada às soluções dos seus problemas residenciais.

A NEC afirmou que durante o Mobile World Congress deste ano demonstrará de que forma podem as operadoras “hospedar vários MVNOs sobre uma infraestrutura virtualizada comum, para poderem alcançar novos nichos de mercado, como a telemática para automóveis, serviços de streaming de música ou vídeo, redes financiadas por publicidade, tecnologia M2M para a agricultura e indústria, entre outros exemplos”, revelou a empresa em comunicado.

Visto que as previsões apontam para o aumento do número de pessoas nas cidades, é importante que as operadoras consigam gerir devidamente o consequente aumento do tráfego nas suas redes. Neste âmbito, a NEC vai provar de que forma podem os seus serviços New Last Mile potenciar a capacidade das redes das operadoras de serviços de telecomunicações.

A NEC tem procurado munir as operadoras de small cells que atuam como “plataformas de prestação de serviços empresariais verdadeiramente convergentes, num ambiente NFV e SDN”, referiu a empresa. Estas soluções podem ser utilizadas para, por exemplo, integrar num smartphone funcionalidades de um telefone fixo.

Em Barcelona, a empresa tecnológica vai também demonstrar como podem as operadoras de telecomunicações, em poucas semanas, conceber lojas de aplicações num ecossistema de cloud.

Paralelamente, a NEC, tendo em vista o fomento da tecnologia de quinta geração, dará ainda a conhecer “uma solução de gestão de tráfego (que permite aos operadores o fornecimento de uma gama de serviços de streaming de vídeo e de música, e um melhoramento da Qualidade de Serviço e da Qualidade da Experiência de utilização), um sistema de armazenamento de energia para estações base, sistemas de cabos submarinos e soluções de análise de big data”, de acordo com fontes oficiais da empresa.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor