Samsung compra fábrica de baterias para carros elétricos

Negócios

A tecnológica sul-coreana fez mais um movimento para se firmar no mercado dos veículos elétricos. A Samsung SDI, subsidiária da Samsung, adquiriu a divisão de baterias da Magna International, uma empresa fornecedora do setor automotivo. A Samsung SDI investiu no mercado dos veículos elétricos ao comprar a Magna Steyr, uma das divisões da canadense Magna

A tecnológica sul-coreana fez mais um movimento para se firmar no mercado dos veículos elétricos. A Samsung SDI, subsidiária da Samsung, adquiriu a divisão de baterias da Magna International, uma empresa fornecedora do setor automotivo.

elétrico carro

A Samsung SDI investiu no mercado dos veículos elétricos ao comprar a Magna Steyr, uma das divisões da canadense Magna International, com mais de 250 trabalhadores.

Esta não é a primeira tentativa que a Samsung faz neste tipo e mercado. A Samsung SDI já vem trabalhando na tecnologia de baterias de íons de lítio desde 2009, com a BMW. As duas companhias anunciaram até a extensão do contrato para dois modelos elétricos – o BMW i8 e o i3. A Samsung Ventures, um dos braços da Samsung, liderou uma rodada de investimento na Seeo, para ajudar na construção de melhores baterias para os carros elétricos.

A Samsung SDI já anunciou, em comunicado, que espera que esta aquisição “possa melhorar as capacidades da Samsung SDI em baterias para os veículos elétricos, ao combinar a liderança já estabelecida da empresa nas baterias e módulos com a experiência da Magna.”

Os valores do negócio não foram divulgados, mas é esperado que o negócio esteja fechado até ao final do verão do hemisfério norte.

Está previsto que o mercado da Samsung SDI chegue aos 7,7 milhões de veículos até 2020, um aumento significativo quando comparado com os 2,1 milhões de veículos em 2014.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor