Programa educacional da TIM é adotado por Santo André e São Bernardo do Campo

EmpresasNegócios

O currículo do 4º ano do ensino fundamental da rede pública municipal das cidades de Santo André e São Bernardo do Campo, região metropolitana da capital paulista, ganhou um reforço pedagógico apoiado pela TIM. O Programa TIM Faz Ciência é uma inciativa dirigida a professores e estudantes que estimula a exploração das operações intelectuais próprias

O currículo do 4º ano do ensino fundamental da rede pública municipal das cidades de Santo André e São Bernardo do Campo, região metropolitana da capital paulista, ganhou um reforço pedagógico apoiado pela TIM.

tim faz ciencia

O Programa TIM Faz Ciência é uma inciativa dirigida a professores e estudantes que estimula a exploração das operações intelectuais próprias à produção de conhecimento científico, como observar, verificar, classificar, questionar, definir, aplicar e generalizar.

O programa – um dos pilares do Instituto TIM – foi lançado em abril de 2014 com a participação de mais de 2 mil professores de escolas públicas de todo o país. Realizado em parceria com as Secretarias Municipais de Educação, o TFC entrega kits de materiais didáticos e realiza encontros de formação com os professores. Mais de 70 mil estudantes participaram da iniciativa em 2014.

“Na região do ABC, algumas escolas já vinham participando do programa e os excelentes resultados certamente contribuíram para que o conteúdo aplicado passasse a fazer parte de toda a rede. Para nós do Instituto é uma satisfação ver o projeto avançar no estado de São Paulo”, explica Manoel Horacio, presidente do Instituto TIM.

Em 2015, o Programa TIM Faz Ciência tem como meta envolver 3,5 mil professores e 110 mil alunos no país. Além de Santo André e São Bernardo do Campo, os municípios de Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS) e Teresópolis (RJ) também contarão com o projeto no currículo da rede pública municipal.

Na próxima quarta-feira, dia 22 de abril, o programa TIM Faz Ciência realizará um encontro de formação em Santo André para os professores inscritos da rede pública de ensino. O objetivo é apresentar a proposta do programa, assim como os desafios e resultados já alcançados.

Durante a formação, que será conduzida por César Nunes – doutor em Física Teórica pela Technische Universität München, com especialização em Ensino para a Compreensão e Avaliação Educacional pela Universidade de Harvard –, o professor receberá uma coletânea de 8 cadernos para orientá-lo na condução das atividades propostas pelo programa em sala de aula.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor