T-Systems e SAP firmam parceria para Internet das Coisas em logística

Fornecedores de SoftwareProjetosSoftware

As multinacionais alemãs SAP e T-Systems anunciaram um acordo para desenvolver e oferecer, de forma conjunta, soluções de logística conectada. Denominada smartPORT, a solução já é utilizada com sucesso pela Autoridade Portuária de Hamburgo e engloba software SAP Connected Logistics e a solução Connected Car da T-Systems. Com o smartPORT, empresas, parceiros e clientes recebem

As multinacionais alemãs SAP e T-Systems anunciaram um acordo para desenvolver e oferecer, de forma conjunta, soluções de logística conectada. Denominada smartPORT, a solução já é utilizada com sucesso pela Autoridade Portuária de Hamburgo e engloba software SAP Connected Logistics e a solução Connected Car da T-Systems.

smart-port-logistic_port-hamburg

Com o smartPORT, empresas, parceiros e clientes recebem informações de tráfego e serviços relacionados ao porto usando dispositivos móveis como tablets e smartphones. O objetivo é otimizar o tráfego e processos de logística para ser possível lidar com grandes volumes de mercadorias no porto.

Segundo declarou em nota Horst Leonberger, chefe da unidade de negócios Connected Car, da Deutsche Telekom, hoje, o setor de logística enfrenta, com frequência, o desafio de otimizar fluxos de mercadorias em uma área limitada. “Com a solução smartPORT, capacitamos nossos clientes para gerenciar fluxos de mercadorias em tempo real e fazer o melhor uso do espaço limitado”, diz o executivo.

De acordo com a SAP, a Internet das Coisas está na vanguarda da quarta revolução industrial – a Indústria 4.0 –, na qual empresas inteligentes usam tecnologias de informação e comunicação para digitalizar processos e ajudar a colher enormes benefícios na forma de melhor qualidade, redução de custos e maior eficiência. “A Internet das Coisas tem um enorme potencial para simplificar processos, reinventar a experiência do cliente e gerar novos modelos de negócio”, explica o chefe de operações da SAP Brasil, Alberto Oppenheimer.

Esse é mais um movimento da SAP para sua reinvenção como empresa. Além de mover-se para um modelo denegócios cada vez mais baseado na nuvem, a companhia alemã tem feito pesados investimentos para diversificar seus produtos, com ênfase especial na Internet das Coisas. No Brasil, como foi mostrado no SAP Forum 2015, o SAP Labs já tem vários projetos em desenvolvimento que integram a tecnologia SAP e dispositivos interconectados M2M.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor