Fornecedora olímpica de TI está entre as 10 melhores companhias do setor, segundo ranking

EmpresasNegóciosRedesSoftware

A Atos, que desenvolve e implementa soluções para gestão de identidade, segurança e risco, gestão de aplicações e integração de negócios, foi nomeada em duas categorias entre provedoras de serviços terceirizados, no índice da consultoria internacional Information Services Group (ISG). Os serviços foram indicados entre os Big 10 nas macro-regiões Americas (América do Sul, América

A Atos, que desenvolve e implementa soluções para gestão de identidade, segurança e risco, gestão de aplicações e integração de negócios, foi nomeada em duas categorias entre provedoras de serviços terceirizados, no índice da consultoria internacional Information Services Group (ISG).

Atos

Os serviços foram indicados entre os Big 10 nas macro-regiões Americas (América do Sul, América Central e América do Norte) e EMEA (Europa, Oriente Médio e África). A inclusão da companhia no “Índice de Terceirização” é baseada nas entregas da empresa ao ISG a cada trimestre e as categorias selecionadas são com base no valor anual de contrato recebido nos últimos 12 meses, de acordo com a instituição.

Para o vice-presidente executivo de gestão de serviços da Atos, Eric Grall, o mérito para estar no ranking é o “foco contínuo em inovação e a nossa habilidade em fornecer soluções e serviços de qualidade”. A empresa é parceira para o fornecimento de softwares de gestão, do Comitê Olímpico Internacional (COI) e deve ajudar na organização dos jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

O executivo indica a importância da empresa estabelecer a liderança com a crescente participação no mercado global de serviços terceirizados. “Nossos serviços permitem aos clientes maior produtividade, pois utilizamos as tecnologias de ponta com modelos flexíveis de entrega. Dessa maneira, garantimos a melhor experiência aos nossos clientes e usuários de nossas soluções”, afirma Grall.

O CRO (diretor de riscos financeiros) do ISG, Paul Reynolds, comenta que o Índice de Terceirização do ISG tem sido, por mais de uma década, fonte de dados e referência às companhias de inteligência de mercado relacionadas à terceirização. “Analisamos as transações de estruturas, a adoção nas indústrias, o predomínio geográfico e a performance de provedores de serviço”, afirma.

Para a Atos, a terceirização representa mais da metade das renovações da companhia, com um aumento de mais de 4,6% ao ano. O crescimento no Reino Unido é beneficiado principalmente pela construção de contratos em Business Process Outsourcing (BPO) com o setor público.
Outros países que merecem destaque são: Alemanha, novos contratos em gestão de serviços; França, com contratos em prol da ferrovia nacional, e a extensão do contrato com a PWC; Estados Unidos, com a parceria com Microsoft e continuidade de trabalho na Siemens; e em Benelux, com contratos renovados com uma Instituição Europeia e com banco Holandês.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor