800 alunos disputam etapa paulista da Olimpíada Brasileira de Robótica

CiênciaInovação

Hoje termina a concorrida etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica – OBR 2015, no Centro Universitário da FEI. Participam cerca de 800 estudantes de 60 escolas de 28 cidades de São Paulo. A competição terá duas modalidades, uma com prova teórica, para alunos do Ensino Fundamental, e outra com prova prática, para alunos do Ensino Médio. O evento é aberto ao público.

Na prova prática, o desafio dos robôs autônomos, construídos pelos próprios alunos sem interface humana, é resgatar vítimas de um desastre do mundo real, simulado em um ambiente hostil. Os robôs precisam cumprir a missão de seguir uma trilha cheia de obstáculos e desafios: superar redutores de velocidade sem ficarem presos; atravessar terrenos desconhecidos; desviar de escombros e subir montanhas para salvar uma vítima – representada por bolas de isopor revestidas de papel alumínio – e transportá-la para uma área segura, a fim de receber os cuidados de humanos.

Estão sendo realizadas outras etapas em várias regiões brasileiras. Ao todo são aproximadamente 10 mil alunos de todo o país construindo seus próprios robôs para disputar uma vaga na competição nacional. Este ano, há mais de 550 equipes inscritas em todo o Estado, número recorde (em 2014 foram 350). Por esse motivo, as etapas foram divididas em sete eventos, dois deles na FEI.

As melhores equipes posicionadas serão classificadas para competir na etapa estadual no dia 8 de agosto, também sediada no Centro Universitário da FEI. Os aprovados desta fase, por sua vez, ganham vaga para disputar a etapa nacional, de 28 de outubro a 1º de novembro, em Uberlândia – MG.

A competição acontece no Ginásio Poliesportivo da FEI, na Avenida Humberto de Alencar Castelo Branco, 3.972, em São Bernardo do Campo (SP). Para mais informações, basta visitar o site da competição.

Aberto ao público


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor