Facebook quer testar transmissão de internet por meio de drones no Brasil

e-MarketingMobilidadeRedesRedes Sociais

A rede social indica que ainda busca parcerias no País para dar cabo do projeto Internet.org, que poderá prover o acesso de conteúdos específicos à usuários de áreas remotas e com infraestrutura de redes sem fio precária. A ideia, segundo o vice-presidente de políticas de acesso móvel e global da rede social, Kevin Martin, ainda

A rede social indica que ainda busca parcerias no País para dar cabo do projeto Internet.org, que poderá prover o acesso de conteúdos específicos à usuários de áreas remotas e com infraestrutura de redes sem fio precária.

facebook1getty

A ideia, segundo o vice-presidente de políticas de acesso móvel e global da rede social, Kevin Martin, ainda não deslanchou, apesar de conversas já iniciadas entre a empresa, baseada em Palo Alto, Califórnia (EUA) e a administração da presidente Dilma Rousseff.

“Os UAVs (Veículos Aéreos não Tripulados, na sigla em inglês) podem ficar entre dois ou três meses sem pousar, circulando sobre áreas bastante remotas e levando conectividade até os usuários”, afirmou ele ao portal especializado Convergência Digital.

Segundo Martin a companhia “procura por um país onde possa fazer testes de três meses e o Brasil tem um perfil bastante adequado para o que planejamos. E mais até que um teste, é um país onde essa tecnologia faz sentido”, complementou.

Ele não revelou, no entanto, se a intenção de conduzir o projeto por aqui tem alguma relação com o acordo anunciado pela presidente Dilma Rousseff e o cofundador do Facebook, Mark Zuckerberg, dois meses atrás.

Ainda assim o executivo adianta que na conversa entre o CEO e a líder do Brasil, “eles discutiram iniciativas como essa, mas não houve nenhum acordo em especial”.

Atualmente a rede social já mantém um projeto no País, na forma de telecentro que ministra cursos para fomentar pequenos empresários a usarem a internet e o próprio Facebook, de olho na publicidade, no bairro de Heliópolis, zona sul de São Paulo. Além do local, a companhia promete investir em redes e conectividade para os moradores da região.

“Heliópolis é um projeto piloto, mas incipiente. Como parte da comunidade têm problemas de conectividade, vamos testar tecnologia Wi-Fi terrestre e isso ainda está sendo discutido”, Finaliza Martin.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor