Americanos desafiam japoneses para batalha de robôs [com vídeo]

HOMEInovação

Quando a ciência e a tecnologia finalmente viabilizam coisas que apenas eram possíveis na ficção, por que não deixar alguns sonhos se tornarem reais?

Os robôs tripulados, que foram apresentados à cultura pop pelos desenhos animados tanto no Japão quanto nos EUA, finalmente terão uma chance de duelar no mundo real. Pelo menos essa é a expectativa dos fundadores da MegaBots, uma empresa americana que fabrica robozões dignos de destroçar os piores inimigos da humanidade.

No vídeo do desafio, convenientemente legendado em japonês, os responsáveis apresentam seu robozão, o Mark II, uma fera de 4,5 metros de altura, 6 toneladas e grande mobilidade, armada com canhões de paint balls que atiram a quase 200 km/h.

O desafio foi feito diretamente à Suidobashi Heavy Industry, empresa dedicada à construção do sonho máximo dos fanáticos por animês e mangás: um robô funcional e pilotável made in Japan. Eles levam tão a sério a brincadeira que até lançaram, em 2012, um vídeo de instrução do primeiro modelo.

O Kuratas é um “brinquedo” incrivelmente detalhado e com um preço igualmente inacreditável: mais de US$ 1,4 milhões, com uma respeitável lista de espera de gente ávida para levar uma beleza dessas para sua garagem ou, no caso, base secreta.

O desafio da MegaBots é para que, em um ano, a Suidobashi mande um Kuratas enfrentar seu Mark II. Esse tempo é necessário para modificar os robôs para aguentarem tiros e impactos, pois apesar de parecerem bem invocados, eles não foram exatamente projetados para “apanhar”. O cockpit dos pilotos também precisa ser protegido para que os tiros de paint ball não os ameacem.

Esse é o início de um novo esporte, com muito potencial de público. Demanda muito apuro técnico, como a Fórmula 1, e é inegavelmente divertido de assistir. Quem sabe em alguns anos não teremos eventos do tipo transmitidos mundialmente, assim como boxe e UFC?


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor