Dubai terá prédio totalmente impresso em 3D

CiênciaInovaçãoTecnologia Verde

Quando quer impressionar, o pessoal em Dubai não brinca em serviço. O País tem feito sucessivos investimentos para fomentar a alta tecnologia, e o próximo passo é viabilizar a construção integral de um empreendimento imobiliário usando a tecnologia de impressão 3D.

Imprimir prédios nem é mais tanta novidade, pois na China isso já acontece e é até mais barato e rápido que a construção comum. Mas estamos falando de Dubai, então a coisa não será nada comum…

Shaikh Mohammad Bin Rashid Al Maktoum, Primeiro-Ministro de Dubai, em um esforço para transformar os Emirados Árabes em uma referência em design, arquitetura e tecnologia, anunciou a criação do “Museu do Futuro”, em que um complexo de prédios será erguido utilizando-se apenas tecnologia de última geração.

Saem os tijolos e o concreto clássico e entram novos materiais compostos, que mesclam fibra de fibro, polímeros plásticos de alta densidade e o cimento. O resultado é uma construção muito mais leve e resistente.

Outra vantagem do processo construtivo de última geração é a economia de tempo e dinheiro: de acordo com os responsáveis, em poucas semanas, os custos de mão de obra terão redução de 50-80% e a redução do entulho e resíduos gerados será da ordem de 30-60%.

O método de impressão 3D é muito mais verde, pois o maquinário fica no próprio canteiro de obras, e não existe o transporte das peças pré-fabricadas de um lado para outro.

Não só a estrutura dos prédios será impressa, mas também os acabamentos serão criados do zero, permitindo uma gama inimaginável de estilos.

Estão envolvidas no projeto a WinSun Global (a companhia que criou a impressora de prédios chinesa) e as empresas globais de engenharia Gensler, Thornton Thomasetti e Syska Hennessy.

Os trabalhos devem começar nas próximas semanas, com a montagem da gigantesca impressora de 6 metros de altura, que vai ser erguida por uma plataforma enquanto as paredes se materializam.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor