Elon Musk afirma que causas de acidente com foguete Falcon ainda frustra SpaceX

CiênciaInovaçãoNegóciosStartup

A SpaceX ainda investiga o motivo pelo qual o foguete Falcon 9 explodiu após o lançamento na última semana.

O impasse ocorre porque a companhia ainda não foi capaz de resolver dados conflitantes transmitidos de volta via rádio pelo veículo espacial, antes da explosão.

As informações foram declaradas pelo presidente-executivo da companhia, o bilionário Elon Musk. “É um duro golpe para a SpaceX. Levamos essas missões incrivelmente a sério”, afirmou ele em Boston, durante transmissão via internet de evento da empresa de serviços espaciais.

Até então nenhuma única teoria consegue dar alguma dica sobre o acontecimento, considerando os dados coletados durante desastre com o foguete, que explodiu cerca de 2 minutos e meio após o lançamento da base aérea em Cabo Canaveral, no estado da Flórida (EUA), em 28 de junho último.

“Os dados realmente apresentam grande complexidade para a interpretação do que houve. O que quer que tenha acontecido lá em cima, não foi uma coisa simples e objetiva”, resumiu Musk.

O bilionário que também é fundador da montadora de carros elétricos Tesla Motors e também do sistema de pagamentos PayPal, não quis dar maiores detalhes sobre as causas cogitadas para o acidente, mas sinalizou que deseja obter maiores informações que expliquem o ocorrido até a próxima semana.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor