Netflix vai distribuir conteúdo pelos serviços de fibra da Telecom Italia

EmpresasGestãoGestão de RedesNegóciosOperadorasRedes

A operadora oferecerá séries, filmes, shows e documentários do catálogo da gigante de streaming Netflix para os clientes em território italiano, após um acordo fechado entre ambos.

A Telecom Italia declarou que vai promover ações de fomento por uma demanda maior redes de internet no território de seu país natal, a terceira maior economia da zona do Euro.

O grupo de telefonia italiano sinalizou também que deve ampliar os investimentos para construir redes de fibra ótica, mais modernas que sua atual infraestrutura baseada em cobre, tecnologia considerada ultrapassada e que não permite o fornecimento de serviços com internet ultrarrápida.

Dessa forma a empresa começa a desenhar uma estratégia para a concorrência que pode sofrer, por exemplo, da gigante britânica Vodafone, que já declarou publicamente desejar um confronto direto com a Telecom Italia, com planos para a construção de uma rede de fibra ótica em território italiano.

Com uma nova rede de fibra, a player italiana poderia selar acordos com distribuidores de conteúdo, os chamados OTTs (Over The Top, na expressão em inglês). Esse esforços são parte de uma busca por novas fontes de receita ao passo que seus tradicionais serviços de telefonia perdem apelo em meio à crescente competição online.

Clientes dos serviços de TV por assinatura equipados com um set top box fornecido pela Telecom Italia acessarão o conteúdo do Netflix. Os detalhes financeiros do acordo não fizeram parte de uma declaração conjunta realizada ontem.

No lançamento, a oferta do Netflix deve incluir o acesso à títulos como “Daredevil”, “House of Cards”, “Orange is the new black” e “Sense8”, séries criadas e produzidas pela própria Netflix e consideradas estrelas de audiência em meio a seu catálogo de conteúdos originais.

Uma iniciativa muito parecida foi costurada pela TIM Brasil, subsidiária da Telecom Italia, que por meio da Live TIM, sua divisão de fibra ótica, anunciou no último mês de junho um acordo de distribuição de conteúdo com o próprio Netflix, o gigante de vídeos YouTube e também a TV Alphaville, uma companhia de TV por Assinatura baseada em São Paulo.

A parceria vai permitir que que todo o conteúdo dos três parceiros seja gerado por internet, trafegando por uma rede de dados de fibra ótica, capaz de atingir até os 150 Mbps de velocidade na casa dos usuários, exclusivamente nos estados de São Paulo e do Rio de Janeiro, região Sudeste do País.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor