ZTE e Softbank firmam parceria para instalar tecnologia “pré-5G” no Japão

4GGestão de RedesInovaçãoMobilidadeRedes

A fabricante de equipamentos de telecomunicações chinesa ZTE informou no final da última semana que acertou uma parceria com o banco japonês SoftBank.

O negócio, segundo ambas, servirá para a implementação de uma plataforma com tecnologia chamada de “pré-5G”. Os sistemas funcionarão em todo o território japonês, com testes comerciais que terão início no primeiro semestre do próximo ano.

A ZTE sinalizou que a tecnologia será capaz de prover maior velocidade de rede, ainda sob a infraestrutura da internet de quarta geração, o que significa mais velocidade, “com custo consideravelmente menor”.

A chinesa vê a novidade como uma opção intermediária entre a atual tecnologia 4G e a próxima geração de internet, que a indústria de wireless projeta comercialmente apenas a partir do ano de 2020.

A vice-presidente da ZTE, Li Cui, pontuou que o plano é construir um centro de pesquisa e desenvolvimento de tecnologia wireless na capital, Tóquio, até o fim deste ano.

Cui, no entanto, não revelou o quanto a companhia pretende investir nas redes japonesas. O plano de investimentos divulgado, todavia, foi avaliado em aproximadamente € 200 milhões, globalmente, aplicados no desenvolvimento de tecnologias 5G e de comunicações móveis nos próximos três anos, entre o período de 2015 até 2018.

“Nossa meta é utilizar tecnologia de núcleo 5G em redes comerciais já existentes poupando novos gastos excessivos e ampliando as velocidades do 4G atual. Além disso, a atual comunidade global de usuários das redes de quarta geração, Long Term Evolution (LTE), poderão aproveitar uma experiência muito similar às redes 5G testadas pela indústria, com muita antecedência em relação ao calendário, que prevê utilização massificada de redes da próxima geração apenas em 2020”, disse ela.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor