Programa leva tecnológicas brasileiras até ao Vale do Silício

EmpresasInovaçãoNegóciosProjetos

Um grupo de seis tecnológicas instaladas na Porto Digital vai poder passar oito semanas bebendo da fonte de conhecimentos do Vale do Silício, nos Estados Unidos. Esse é um programa lançado pelo Ministério do Desenvolvimento, da Indústria e do Comércio Exterior, em conjunto com a Apex-Brasil e a direção do parque, com o objetivo de criar sinergias entre as empresas brasileiras e o maior centro tecnológico do mundo.

A iniciativa Deep Dive San Francisco, apresentada pelo ministro Armando Monteiro, pelo presidente da Apex-Brasil, David Barioni, e pelo CEO da Porto Digital, Francisco Saboya, quer fortalecer as empresas de TIC do parque tecnológico brasileiro, beneficiando da mentoria das grandes companhias norte-americanas.

Fontes oficiais da Apex-Brasil dizem que o programa intensivo de dois meses inclui duas horas semanais de mentoria individual por especialistas, quatro workshops temáticos e reuniões com potenciais investidores. Às companhias brasileira selecionadas, será também será fornecido suporte através do escritório da Apex-Brasil em São Francisco.

“Um dos grandes ganhos do Deep Dive San Francisco é a construção de um networking com empresas de tecnologia da informação e economia criativa instaladas do principal ambiente de empreendedorismo e inovação do mundo”, explica a Apex-Brasil, em nota.

Em seu website, a Porto Digital apresenta um questionário que as empresas do seu ecossistema que se queiram candidatar ao programa devem preencher. Na mesma página, está escrito que “Serão considerados essenciais, portanto de maior peso, os seguintes aspectos relacionados ao empreendedor: perfil do participante, atitude, conhecimento e domínio da língua inglesa”. Para além disso, serão também tidos em conta elementos como o modelo de negócios da companhia candidata, a estrutura organizacional, e a estratégia de acesso e aderência a mercados internacionais.

As inscrições devem ser feitas até ao final do dia 13 de setembro deste ano. O programa de imersão das companhias selecionadas no Vale do Silício tem início no dia 11 de janeiro de 2016 e termina a 4 de março.

* Filipe Pimentel é jornalista da B!T em Portugal


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor